Inovação e Tecnologia

Penafiel inaugura banco de jardim com internet

O Município de Penafiel inaugurou, no passado dia 5 de Junho, Dia Mundial do Ambiente, um banco de jardim energeticamente autosustentável capaz de carregar telemóveis, computadores, portáteis, entre outro equipamentos eléctricos.
Versão para impressão
A cidade de Penafiel tem um banco de jardim energeticamente autosustentável capaz de carregar telemóveis, computadores, portáteis, entre outro equipamentos elétricos. O inovador equipamento foi inaugurado a 05 de Junho, Dia Mundial do Ambiente, 

Situado no parque intergeracional da Quinta das Lages, em Penafiel, este novo mobiliário urbano alia a vertente utilitária do banco de jardim com o conceito inovador da produção de energia no próprio local, o que permite a utilização de tomadas de energia para carregar qualquer tipo de equipamentos electrónicos.

Para além da possibilidade de poder usufruir do serviço de carregamento de energia, os utentes deste banco de jardim podem utilizar gratuitamente a internet.

Este equipamento autosustentável, amovível, modular e com possibilidades de efetuar 'upgrade' de equipamentos ou serviços com a evolução tecnológica. O banco consiste numa estrutura metálica com painéis fotovoltaicos, um conjunto de baterias, controlador e inversor de energia para fornecerem energia elétrica nos níveis de tensão 230VAC/50Hz e 12VDC.

Um banco luminoso

Durante a noite, o Urban Energy, ilumina-se criando um efeito decorativo em toda a sua extensão inferior, iluminando a periferia do local onde está instalado, através de um conjunto de fita led e ledspot para iluminar a sua envolvente.

“A sociedade moderna necessita de estar ligada ao mundo virtual em tempo real para comunicar, trabalhar e pesquisar informações, obrigando por vezes a que as pessoas fiquem em espaços fechados para acederem à internet e para utilizarem os equipamentos elétricos, perdendo o hábito de estarem em espaços ao ar livre”, refere António de Sousa, Presidente da Câmara Municipal de Penafiel, em comunicado de imprensa.

“Em Penafiel estamos a criar alternativas a esse paradigma. A fusão destes dois conceitos, a utilização do banco de jardim com o conceito inovador da produção de energia no próprio local, apresenta-se como uma ideia útil, moderna e inovadora, que permite abrir novos horizontes na reestruturação dos espaços públicos modernos”, acrescenta, ainda, António de Sousa.

Notícia sugerida por Maria Pandina

Comentários

comentários

Etiquetas

BN TV

O Boas Notícias está de volta!

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório