Saúde

Pediatria de Leiria inaugura sistema pioneiro

NULL
Versão para impressão
O Serviço de Pediatria do Hospital de Santo André colocou terça-feira em funcionamento um sistema pioneiro em Portugal que visa evitar os erros humanos na administração de medicamentos às crianças.

O Sistema Medicheck permite que, ao prescrever um medicamento, seja emitida uma etiqueta com um código de barras e o nome da criança, que é depois colocada no medicamento a administrar, segundo explica o Hospital em comunicado.

Bilhota Xavier, diretor deste Serviço, explica na nota publicada que o aparelho “tem como primeiro objetivo garantir a segurança da administração de medicamentos às crianças internadas no Serviço de Pediatria e UCEP”.

Segundo o médico disse à Lusa, este sistema possibilita  “a redução em mais de 90 por cento da possibilidade de ocorrer um erro quer na preparação, quer na administração do medicamento”.

No momento da administração do medicamento são utilizados PDA que leem o código de barras do medicamento e o da pulseira de identificação da criança.

A informação é depois transmitida via wireless para o sistema informático ficando registado no processo eletrónico de enfermagem, evitando a transcrição manual e possíveis falhas humanas.

“Conhecendo-se o número elevado de erros que existem com a administração de medicamentos nos melhores hospitais de todo o mundo, de que resultam por vezes danos irreversíveis, este é um grande passo no sentido de evitar esses erros, melhorando a segurança das crianças hospitalizadas, através de um sistema complexo, de grande modernidade e funcionalidade”, sublinha Bilhota Xavier no comunicado.

De acordo com a Agência Lusa, a implementação do “Medicheck” custou 46 mil euros e foi financiada pelo projeto “Missão Sorriso” dos hipermercados Continente.

[Notícia sugerida por Maria Manuela Mendes]

Comentários

comentários

BN TV

O Boas Notícias está de volta!

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório