Cultura

Parceria ibérica para a restauração de igrejas

Um projeto que envolve o Ministério da Cultura português, a Junta de Castela e Leão, em Espanha, e a fundação Iberdrola visa a restauração de mais de 30 igrejas em território ibérico, para a preservação do património românico.
Versão para impressão
[Fotografia: Cúpula interior da Catedral de Santiago de Compostela © Jairo Abud]

Um projeto que envolve o Ministério da Cultura português, a Junta de Castela e Leão, em Espanha, e a fundação Iberdrola visa a restauração de mais de 30 igrejas em território ibérico, para a preservação do património românico.

Esta parceria, que será formalizada esta quarta-feira, em Bragança, vai permitir “o restauro de um importante conjunto de igrejas românicas situadas na área de influência dos rios Tâmega e Douro, no Norte de Portugal, bem como um conjunto de outros restauros de igrejas do mesmo tipo em Castela e Leão, concretamente nas províncias de Salamanca e Zamora”, divulgou o Ministério da Cultura.

Além da recuperação do património artístico e cultural, o projeto Plano de Restauro do Românico Atlântico – Norte de Portugal e Castela e Leão “atuará também como dinamizador socioeconómico e como motor das relações transfronteiriças entre os dois países”, avança a mesma fonte, citada pela agência Lusa.

Envolvendo “um investimento avultado de vários milhões de euros”, esta iniciativa conta com o financiamento da fundação espanhola Iberdrola.

A cerimónia de assinatura do acordo de colaboração vai ter lugar no Domus Municipalis, um monumento do século XII de arquitetura românica, junto ao castelo da cidade de Bragança. O monumento foi restaurado recentemente, também graças a uma parceria entre portugueses e espanhóis.

Comentários

comentários

Etiquetas

BN TV

O Boas Notícias está de volta!

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório