Ambiente

Ornitologia: Portugal conquista 62 medalhas de ouro

Portugal trouxe para casa 62 medalhas de ouro, 46 de prata e 44 de bronze no 60º Campeonato do mundo de Ornitologia realizado em Aguadulce-Almeria, Espanha, entre os dias 20 e 23 de Janeiro.
Versão para impressão

Portugal trouxe para casa 62 medalhas de ouro, 46 de prata e 44 de bronze no 60º Campeonato do mundo de Ornitologia realizado em Aguadulce-Almeria, Espanha, entre os dias 20 e 23 de Janeiro.
 
Naquele que é considerado o mais importante evento de ornitologia do mundo, estiveram representados 17 países do hemisfério norte num total de 2.971 expositores (170 portugueses) com 26.367 aves (1.499 portuguesas).
 
O português Gaspar Brogueira, que com as suas aves da espécie Diamante Mandarim (Taeniopygia guttata) conquistou duas medalhas de ouro – nas mutações Diluído Cinzento e Pastel Dorso Claro Cinzento – disse ao Boas Notícias que “este foi o melhor resultado de sempre para Portugal”.

“Este resultado é ainda mais importante se tivermos em conta que, devido à dimensão do país e às dificuldades económicas, Portugal concorreu com menos aves do que os outros países”, salientou.

Gaspar Brogueira acrescentou ainda que todas as despesas – inscrição, deslocação e alojamento – são pagas pelos participantes.

Segundo o ornitólogo, cada ave é avaliada tendo em consideração seis aspetos principais: tipo e estrutura, desenho, cor, atitude e posição no poleiro, plumagem e, por fim, condição (estado de saúde).

No próximo ano o campeonato do mundo decorre em Hasselt, na Bélgica.

[Notícia sugerida por Filipe Marques]

Comentários

comentários

BN TV

O Boas Notícias está de volta!

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório