Ambiente

Óleo de soja usado para criar pneus ecológicos

O óleo de soja pode reduzir até 26,5 milhões de litros por ano o petróleo utilizado no fábrico de pneus e foi com base nesta descoberta que, a Goodyear, maior fabricante de pneus do mundo, desenvolveu um protótipo de pneu ecológico.
Versão para impressão
O óleo de soja pode reduzir até 26,5 milhões de litros por ano o petróleo utilizado no fábrico de pneus, tornando o processo menos penoso para o meio ambiente. Com base nesta descoberta, a Goodyear, maior fabricante de pneus do mundo, desenvolveu um protótipo de pneu ecológico que poderá vir a ser comercializado dentro de poucos anos.
 
Os testes realizados pela empresa durante a produção mostraram que, com a introdução de óleo de soja no processo, este comporta um consumo mais reduzido de energia e uma menor emissão de gases poluentes para a atmosfera, evitando o agravamento do efeito de estufa.
 
Segundo informações adiantadas pela Goodyear, estes testes mostraram que aquele óleo melhora a capacidade de mistura dos diferentes componentes usados para fabricar o pneu. Os compostos de borracha feitos com óleo de soja fundem-se mais facilmente com a sílica, aumentando a eficácia da produção e minorando os impactos negativos para o planeta.
 
Nos próximos meses, a Goodyear vai colocar o protótipo criado à prova em San Angelo, no estado norte-americano do Texas e, se os resultados obtidos forem positivos, espera que os pneus com óleo de soja cheguem ao mercado a partir de 2015.
 
“Estamos empenhados em respeitar o meio ambiente e as localidades em que operamos. A utilização de óleo de soja é uma maneira de alcançar esse objetivo”, afirmou Jean-Claude Kihn, responsável técnico da companhia, em comunicado.
 
“Enquanto os consumidores beneficiam de um aumento da vida útil dos pneus, a Goodyear regista uma maior eficiência e economia de energia – todos ganhamos com a redução do impacto no meio ambiente”, acrescentou Kihn.
 
O projeto de criação de pneus ecológicos da Goodyear está a ser apoiado pela United Soybean Board (USB), uma organização de agricultores que supervisiona iniciativas ligadas à soja, que vai financiá-lo em 500 mil dólares nos próximos dois anos (cerca de 407 mil dólares).
 
De salientar que esta não é a única iniciativa “verde” desenvolvida pela empresa. A Goodyear está também a trabalhar em parceria com a DuPont Industrial Biosciences na produção de Biolsoprene, uma alternativa biológica a um dos derivados do petróleo que pode ser usada no fabrico de borracha sintética, permitindo diminuir a dependência de produtos petrolíferos. 

Comentários

comentários

BN TV

O Boas Notícias está de volta!

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório