Sociedade

Odemira atribui 30 bolsas de estudo a universitários

O município de Odemira vai atribuir 30 bolsas de estudo no valor de cerca de 52 mil euros a alunos do concelho que frequentem o ensino superior no ano letivo 2011/2012.
Versão para impressão
O município de Odemira vai atribuir 30 bolsas de estudo no valor de cerca de 52 mil euros a alunos do concelho que frequentem o ensino superior no ano letivo 2011/2012. A concessão das bolsas vai ser feita quer por carência económica dos estudantes, quer por um aproveitamento acima da média.
 
A decisão, aprovada pela Câmara Municipal, foi anunciada esta semana. Em comunicado, a autarquia explica que o objetivo da medida é “apoiar a continuação dos estudos a jovens com dificuldades económicas e colaborar na formação de quadros técnicos superiores, naturais ou residentes no concelho”.
 
Desta forma, Odemira espera igualmente contribuir “para um maior e mais equilibrado desenvolvimento social, económico e cultural”. 
 
Segundo os responsáveis da Câmara, a atribuição das bolsas vai ser feita segundo duas modalidades. Uma parte será atribuída por razões de carência económica, dirigindo-se a alunos cujo agregado apresente um rendimento mensal ilíquido per capita igual ou inferior a 300 euros.
 
As restantes bolsas serão atribuídas a alunos com aproveitamento excecional, que apresentem uma média escolar igual ou superior a 17 valores para o 1º ano e igual ou superior a 15 valores para os anos seguintes. 
 
Em conformidade com o que é estabelecido pelo Regulamento de Atribuição de Bolsas de Estudo, os estudantes beneficiados receberão, trimestralmente, o equivalente a 40% do salário mínimo nacional durante nove meses.
 

Comentários

comentários

BN TV

O Boas Notícias está de volta!

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório