Ambiente

Observatório da Desertificação inicia funções

A Secretaria de Estado das Florestas e Desenvolvimento Rural anunciou a criação de um Observatório Nacional da Desertificação (OND) como plataforma de apoio à concretização do Programa de Acção Nacional de Combate à Desertificação (PANCD).
Versão para impressão
A Secretaria de Estado das Florestas e Desenvolvimento Rural anunciou a criação de um Observatório Nacional da Desertificação (OND) como plataforma de apoio à concretização do Programa de Acção Nacional de Combate à Desertificação (PANCD).

De acordo com despacho oficial, o OND desempenhará “funções de acompanhamento, avaliação da aplicação de medidas e instrumentos de política e a monitorização do impacte das ações sobre o ambiente, os recursos naturais e o território”.

O Observatório Nacional da Desertificação funcionará na dependência direta do presidente da Autoridade Florestal Nacional, entidade que assegurará o apoio técnico-administrativo e financeiro ao funcionamento corrente do OND.

A Secretaria de Estado garante que “Portugal vai continuar a lutar contra a desertificação física do território, aliada ao despovoamento, e investir na conservação dos solos, no controlo da erosão, na gestação eficiente da água, prevenção das secas, incêndios florestais, degradação dos montados e arborização”.

Mais de um terço do território nacional apresenta uma elevada suscetibilidade à desertificação.

Devido às características geográficas, condições climáticas, geológicas, tipo de cobertura vegetal, e pelo próprio modelo de ordenamento do território, Portugal é um “país propício a este flagelo que se tornou numa prioridade das políticas de desenvolvimento rural”, refere ainda o comunicado citado pela Lusa.

Comentários

comentários

BN TV

O Boas Notícias está de volta!

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório