Gastronomia

O delicioso mundo da Chocolataria Equador

Chocolates cem por cento nacionais trabalhados artesanalmente por mestres chocolateiros são a aposta da jovem Chocolataria Equador que, além dos sabores e dos aromas, apresenta também um design inspirado no universo gráfico da época colonial. Joaninh
Versão para impressão
Chocolates cem por cento nacionais trabalhados artesanalmente por mestres chocolateiros são a aposta da jovem Chocolataria Equador que, além dos sabores e dos aromas, apresenta também um design inspirado no universo gráfico da época colonial. Joaninha, Maria e António são algumas das personagens que nos apresentam, no catálogo da Chocolataria Equador, os sedutores produtos desta marca nortenha.

Trabalhado artesanalmente por mestres chocolateiros, com cacau criteriosamente escolhido, sem corantes nem conservantes. São estas as principais características da Chocolataria Equador, com sede na cidade Invicta, que se tem distinguido pela excelência e pelo aroma.

“Os nossos mestres chocolateiros fazem parte de um grupo de pessoas com idades compreendidas entre os 30 e 40 anos que depois de estudarem e trabalharem nas melhores escolas e chocolatarias da Europa, voltaram para Portugal para colaborar com a Chocolataria Equador”, explica Celestino, um dos fundadores, ao Boas Notícias.

Criada recentemente por Teresa Almeida e Celestino Fonseca, a Chocolataria Equador aposta na qualidade dos seus produtos e também num design cuidado que remete para o grafismo da época colonial, quando Portugal era um dos maiores exportadores de cacau do mundo.

Celestino explica que “para além do chocolate, os artistas e designers são parte integrante do produto” pelo que “uma das características principais da marca é a aproximação a um mundo imaginado concebido pelos criativos”.

Personagens como Joaninha e Maria apresentam as diversas coleções e novidades da chocolataria. Provavelmente as mesmas personagens que ilustram o catálogo  da Equador. Estas figuras “fazem parte de um argumento que vai resultando em episódios que acompanham os nossos produtos. É uma forma de desenvolver uma história com um negócio associado”, salienta o responsável.

Tabletes com recheio [mirtilo, framboesa e maracujá], tabletes clássicas, trufas de maracujá e de outros sabores, ovos de chocolate [edição especial Páscoa], saquinhos com cacos de chocolate são alguns dos produtos disponíveis, com preços que variam entre os 6 e os 38 euros.

Os produtos são 100% nacionais e, como resume Celestino Fonseca, pela sua qualidade têm “características benéficas para a saúde desde que consumidos com moderação”.

Neste momento, a Chocolataria Equador funciona apenas através de encomendas on-line, que têm surgido a partir de todo o país e até mesmo do estrangeiro, mas a abertura da primeira loja, no Porto, está prestes a acontecer, já no mês de julho.

Comentários

comentários

BN TV

O Boas Notícias está de volta!

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório