Sociedade

Novo jogo luso quer revolucionar ensino da música

Na Lousã, uma empresa cultural concebeu um novo jogo didático que pretende revolucionar o ensino da música às crianças. O mesmo já se encontra à venda na Internet desde Janeiro, estando disponível para diferentes plataformas digitais.
Versão para impressão
Na Lousã, uma empresa cultural concebeu um novo jogo didático que pretende revolucionar o ensino da música às crianças. O mesmo já se encontra à venda na Internet desde Janeiro, estando disponível para diferentes plataformas digitais. 
 
Pelo nome 'Oratio's Flute Master', a aplicação foi considerada pela Microsoft “a melhor aplicação do ano criada em Portugal, desde o lançamento do programa Windows 8”. A ideia é da autoria de João Carlos Ramalheiro, sendo produzida pela firma Insignio Labs, que, em Janeiro, colocou o jogo em questão à venda na Internet pelo preço de 2,99 euros. A mesma destina-se a sistemas operativos 'Android', 'MacOS', 'iOS' e 'Windows'. 
 
“Apostei toda a minha esperança neste projeto”, conta o músico João Ramalheiro à Lusa. Para si, o produto “tem tudo para ganhar asas” no mercado global, com perspetivas de muitas exportações. 
 
No Instituto de Música Moderna e Artes, outra empresa que criou, em alternativa à Academia de Música da Lousã, onde, atualmente, são ensinadas mais de 70 crianças, os professores já recorrem ao 'Flute Master'.
 
O empresário conta que o novo conceito começou por ser “aplicado nos quadros interactivos” e para o ajudar apenas a si mesmo. “Não queria um videojogo sem valor pedagógico, queria alguma coisa que permitisse contar uma história, levar os alunos ao mundo virtual, onde poderiam divertir-se e, ao mesmo tempo, aprender”, adianta.
 
O resultado foi 'Oratio's Flute Master', um jogo indie didático que “revoluciona a forma de aprender e ensinar a tocar flauta de bisel”. Além de “transportar o utilizador para uma dimensão divertida e apelativa às crianças” a aplicação oferece “conteúdo cuidado a nível pedagógico”, levando o utilizador a aprender a tocar um instrumento real de forma intuitiva. 
 
O 'Oratio's Flute Master' oferece ainda uma gama de 27 músicas exclusivas, ilustrações, animações, pautas e uma banda sonora envolvente, enriquecendo o dia-a-dia na sala de aula ou em casa. O instrumento de sopro é representado pela torre de um castelo medieval em cujas janelas tentam entrar vampiros em pleno voo.
 
 A aplicação é a primeira da série 'Oratio Classroom', um conceito de software desenvolvido para ensinar música no primeiro ciclo. “É muito mais divertido para as crianças e muito mais apelativo do que uma partitura convencional”, garante Lara Silva, docente de Educação Musical do Instituto de Música Moderna e Artes.

Saiba mais AQUI.

Comentários

comentários

Pub

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub