Ambiente

Nova Iorque apaga luzes pelas aves migratórias

A organização nova-iorquina "NYC Audubon" pôs em marcha pelo quinto ano consecutivo a iniciativa "Lights Out", na qual pretende encorajar os proprietários nos edifícios mais altos a apagarem as luzes e salvarem assim a vida de milhares de aves migrat
Versão para impressão
A organização nova-iorquina “NYC Audubon” pôs em marcha pelo quinto ano consecutivo a iniciativa “Lights Out”, na qual pretende encorajar os proprietários nos edifícios mais altos a apagarem as luzes e salvarem assim a vida de milhares de aves migratórias noturnas.

Estima-se que 90 mil aves morram todos os anos em Nova Iorque nos movimentos migratórios. As aves colidem nos vidros das janelas, desorientadas pela iluminação que confunde as coordenadas naturais destes animais.

Com o mote “Poupe dinheiro e energia enquanto salva vidas”, a campanha apela para que se desliguem as luzes em andares desocupados, fechar as persianas se possível entre a meia-noite e o amanhecer, e usar luzes de mesa se trabalhar até tarde.

Um estudo do Field Museum de Chicago demonstrou que o número de aves mortas por chocarem contra os edifícios diminuiu 83% se se apagassem as luzes.

[Notícia sugerida pela utilizadora Raquel Baêta]

Comentários

comentários

BN TV

O Boas Notícias está de volta!

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório