Sociedade

New York Times destaca exposição de fotógrafo luso

O jornal The New York Times entrevistou o fotógrafo João Silva e publicou um artigo com destaque para a exposição dos primeiros 20 anos de trabalho deste português. A mesma vai estar patente durante esta semana no Visa Pour L'Image Festival.
Versão para impressão
O jornal The New York Times entrevistou o fotógrafo João Silva e publicou um artigo com destaque para a exposição dos primeiros 20 anos de trabalho deste português. A mostra está patente, durante esta semana, no Visa Pour L'Image Festival, em Perpignan, França.
 
A exposição exibe os trabalhos do fotógrafo português entre os anos de 1990 e 2010 e ilustra o seu percurso profissional, que inclui a perda das duas pernas numa mina de bombas, em 2010, no Afeganistão. 
 
“Passei meses e meses, enquanto recuperava de cirurgias, a olhar para os meus negativos e a ver todo o meu trabalho. É toda uma outra perspetiva, porque, obviamente, uma pessoa muda muito nos últimos anos”, conta o fotógrafo ao jornalista James Estrin.
 
Com residência na África do Sul, João Silva é fotógrafo correspondente do The New York Times e responsável, por exemplo, pelo registo em imagens dos tumultos que ocorreram em Zamdela, em Janeiro, e do aniversário do massacre dos mineiros de Marikana, em Agosto.
 
“Quando olhei para trás, a única obra que realmente se destacou foi a que fiz na África do Sul, obviamente, no Iraque e no Afeganistão. Ironias à parte, estes foram os três países que me moldaram enquanto ser humano. E, por isso mesmo, foi um processo de redescoberta muito interessante”, conta o português.
 
O fotógrafo confessa que ficou surpreendido ao dar conta que regista mais pessoas mortas do que vivas – “rostos de pessoas que eu não faço ideia de quem sejam” – e que tem sido “revelador e muito interessante” esta nova fase da sua carreira, onde “todos os dias descobre os seus limites”, a mobilidade de que dispõe, até onde ponde ir, o que é que pode fazer.
 
O convite para integrar o Visa Pour L'Image Festival foi feito pelo próprio diretor da organização, Jean-François Leroy, que este ano celebra 25 anos à frente do evento. 

Clique AQUI para ler a entrevista completa, em inglês, do The New York Times a este fotógrafo português.

Notícia sugerida por Maria da Luz

Comentários

comentários

Pub

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub