Desporto

Natação: Atletas com trissomia vencem 32 medalhas

NULL
Versão para impressão
O fim do Campeonato da Europa Open de Natação para nadadores com Síndrome de Down terminou com Portugal no pódio. A delegação portuguesa conquistou 32 medalhas, 13 das quais de ouro. Esta foi a primeira edição do campeonato disputado por 89 atletas de treze países diferentes.

A competição terminou esta semana, no Complexo de Piscinas Rui Abreu, em Coimbra, onde decorrem todas as provas. No último dia, os atletas portugueses voltaram a brilhar, conquistando um total de 11 medalhas: três de ouro, cinco de prata e três de bronze, escreve em comunicado a Associação Nacional de Desporto para a Deficiência Mental (ANDDI).

A primeira a dar cartas nesse dia foi Ana Castro, que bateu o recorde nacional da distância, nos 200 mts mariposa, o que lhe valeu a prata. Nos 50 mts de costas, a atleta também se destacou, tendo conquistado o bronze. Do lado masculino, Ricardo Pires conseguiu duas medalhas de ouro, nos 50 mts mariposa e nos 100 mts bruços. O esforço valeu-lhe também um novo recorde nacional.

Nos 200 mts livres foi a vez do atleta Filipe Santos mostrar o seu valor, batendo um novo recorde nacional e alcançado o bronze. Também com a prata ficaram José Viera e Mannie NG, nos 100 mts bruços e 200 mts braços, respetivamente.

“Nos 25 mts costas, Pedro Madeira e João Vaz realizaram uma excelente prestação tendo ganho o ouro e o bronze respetivamente com o primeiro a bater mais um recorde nacional. As estafetas fecharam o evento com Portugal a arrecadar mais duas medalhas de prata nos 4×50 mts estilos (femininos) e nos 4×50 metros livres (masculinos)”, escreve a ANDDI.

O Presidente do Comité Organizador, Fausto Pereira, disse que “a organização correu muito bem, com tudo dentro do planeado e sem percalços, existindo, no final, uma satisfação evidente não só por parte dos países participantes, mas também, dos responsáveis da DSISO. Deixando um profundo agradecimento a todos os parceiros que estiveram, de alguma forma, envolvidos na organização do mesmo”.

O campeonato foi organizado pela Associação Nacional de Desporto para a Deficiência Intelectual e pela Federação Portuguesa de Desporto para Pessoas com Deficiência, sob a égide da Federação Internacional de Natação para Atletas com Síndrome de Down (DSISO). 

[Notícia sugerida por Vitor Fernandes] 

Comentários

comentários

Pub

Aid Global

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub