Ciência

NASA: Fotografia de português é “Imagem do Dia”

A NASA escolheu, novamente, uma fotografia de um português para "Imagem do Dia". Desta feita, o trabalho é do fotógrafo Nuno Serrão e está, esta segunda-feira, em destaque no site internacional de astronomia "Astronomy Picture of the Day".
Versão para impressão
A NASA escolheu, novamente, uma fotografia de um português para “Imagem do Dia”. Desta feita, o trabalho é do fotógrafo Nuno Serrão e está, esta segunda-feira, em destaque no prestigiado site internacional de astronomia “Astronomy Picture of the Day” (APOD).
 
Trata-se de uma fotografia captada por Nuno Serrão na Ilha da Madeira, em Portugal, que retrata um “trio” composto pela Lua e pelos planetas Marte e Vénus e que foi “boicotada” por uma “nuvem interessante” que acabou por se tornar a grande estrela da imagem. 
 
“O plano original era fotografar uma conjugação angular rara de Marte e Vénus que aconteceu há uma semana e meia com o bónus da Lua em quarto crescente e a Estação Espacial Internacional (ISS) a passar lá perto”, pode ler-se na descrição da fotografia no site da APOD.
 
Contudo, no arquipélago madeirense, o fenómeno foi acobertado pelas nuvens, frustrando as expectativas de Nuno Serrão. O dia seguinte, no entanto, trouxe-lhe uma nova oportunidade: o aparecimento de uma nuvem lenticular “espetacular” antes do pôr-do-sol que deu ao astrofotógrafo português uma ideia diferente.
 
“Olhando de perto para a fotografia é possível ver a Lua do lado esquerdo e, mais abaixo, estão os dois famosos planetas, sendo Vénus o mais brilhante. Foi, porém, a nuvem lenticular inesperada, que se assemelha a uma espécie de nave espacial futurística, que roubou as atenções”, descreve a NASA.
 
O site “Astronomy Picture of the Day” foi lançado em 1995 pelos astrónomos norte-americanos Robert Nemiroff e Jerry Bonnell. Desde então, todos os dias é partilhada, na plataforma, uma fotografia “do nosso fascinante universo”.

Atualmente, o APOD, gerido pela agência espacial norte-americana e pela Universidade Tecnológica do Michigan, nos EUA, conta com a maior coleção organizada de fotografias astronómicas disponível na Internet. 
 

O último fotógrafo português a ver o seu trabalho em destaque no site da APOD tinha sido Miguel Claro, que, em Junho do ano passado, brilhou com uma imagem de uma sequência 'timelapse' do nascer da Lua Cheia captada a partir de Algés a cerca de seis quilómetros de distância do Cristo Rei. 

Clique AQUI para ver a fotografia de Nuno Serrão no site da APOD (em inglês).

Comentários

comentários

BN TV

O Boas Notícias está de volta!

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório