Saúde

Mulher volta a falar após transplante de laringe

Há onze anos que Brenda Charett Jensen, 52 anos, não conseguia falar, devido a danos permanentes no seu aparelho vocal. Contudo, o transplante de laringe a que se submeteu devolveu-lhe a voz, permitindo-lhe respirar e comunicar sem recurso a máquinas
Versão para impressão
[Fotografia: Brenda Jansen e a equipa médica que a operou © Associated Press]

Há onze anos que Brenda Charett Jensen, 52 anos, não conseguia falar, devido a danos permanentes no seu aparelho vocal. Contudo, o transplante de laringe a que se submeteu devolveu-lhe a voz, permitindo-lhe respirar e comunicar sem recurso a máquinas.

O sucesso deve-se a uma equipa internacional de cirurgiões, que em outubro do ano passado realizou a complexa operação em 18 horas, no Centro Médico Davis, da Universidade da Califórnia, nos Estados Unidos, após dois anos de estudos. Este é apenas o segundo caso de sucesso registado num transplante de laringe.

“Foi, de longe, o maior desafio enfrentado por esta equipa médica”, revelou Gregory Farwell, líder do grupo de cirurgiões, numa conferência de imprensa. “A paciente refletiu muito acerca desta operação. Correu um risco e isso é prova da sua grande coragem e determinação”, acrescentou.

Além da laringe, foram também transplantadas uma glândula tiróide e uma traqueia, para que a paciente consiga respirar autonomamente.

Brenda perdeu a voz após ter sido hospitalizada em 1998, devido a uma falha renal. Sob o efeito de sedativos, arrancou, repetida e inadvertidamente, o tubo de ventilação que a ajudava a respirar e acabou por danificar gravemente a sua laringe.

A mulher norte-americana viu-se forçada a utilizar um aparelho junto à sua garganta para poder comunicar. O som mecânico que emitia era motivo de troça para muitas pessoas. “Era conhecida como a ´mulher robô`”, confessa Brenda à AFP.

Agora, “cada dia é um novo começo”. Ao reaprender a usar as suas cordas vocais e os seus músculos para operações tão simples como engolir, Brenda não contém o entusiasmo por saber que, em breve, poderá “comer, beber e nadar” novamente.

Comentários

comentários

Etiquetas

Pub

Aid Global

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub