Sociedade

Movimento solidário ajuda pessoas em crise

O Movimento Sociedade Civil Solidária uniu cerca de 160 personalidades da sociedade portuguesa com o objetivo de recolher donativos para as pessoas que estejam mais afetadas pela crise.
Versão para impressão
O Movimento Sociedade Civil Solidária uniu cerca de 160 personalidades da sociedade portuguesa com o objetivo de recolher donativos para as pessoas mais afetadas pela crise.

A ação que visa prestar auxílio aos mais carenciados, apoiando-se na ideia de que a solidariedade em Portugal não está esgotada. Assim sendo, com o apoio de escritores, embaixadores, reitores, médicos, professores, entre vários cidadãos, o movimento organizou-se de forma a receber apoios vindos tanto de empresas e instituições como de indivíduos, independentemente do valor da doação.

O montante recolhido terá como destino as pessoas com necessidades básicas mais urgentes, nomeadamente a alimentação. A canalização dos recursos estará a cargo do Fundo Social Solidário, estrutura coordenada pela Cáritas Portuguesa.

A modalidade das contribuições fica ao critério de cada um, podendo ser apenas uma contribuição isolada ou ter uma periodicidade mensal. Os interessados poderão fazer a doação através de transferência bancária, do site da iniciativa e de chamadas de valor acrescido.

Para aceder a mais informações clique aqui.

Comentários

comentários

Pub

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub