Negócios e Empreendorismo

Móveis portugueses de cortiça ganham prémio mundial

Um conjunto de mobiliário português feito de cortiça conquistou uma medalha de bronze na edição de 2014/2015 do concurso internacional 'A' Design Award & Competition. O projeto "Ayers Cork" é da responsabilidade da arquiteta Albertina Oliveira.
Versão para impressão
Um conjunto de mobiliário português feito de cortiça conquistou uma medalha de bronze na edição de 2014/2015 do concurso internacional 'A' Design Award & Competition. O projeto “Ayers Cork”, da responsabilidade da arquiteta Albertina Oliveira, foi distinguido na categoria “Furniture, Decorative Items and Homeware Design”.
 
Composto por uma luminária, uma mesa e oito cadeiras, o conjunto sobressai “não só pela forma, mas pelo conforto natural proporcionado pela cortiça, tanto ao toque, como em termos de aparência”, explica a criadora do projeto no site oficial da competição, promovida pelos OMC Design Studios SRL, com sede em Itália.
 
Os móveis foram desenvolvidos no ateliê da portuguesa, situado em Gondomar, ao longo de 12 meses e com recurso a alta tecnologia. “Cada cadeira foi esculpida com uma máquina CNC a partir de um bloco único de cortiça, método que também foi aplicado na base da mesa”, conta Albertina Oliveira. 
 
Já o tampo da mesa e a campânula da luminária – que utiliza tecnologia LED – “são feitos de 'corkbalt', um material inovador que combina a fibra de basalto com a cortiça e que dá leveza às peças”, acrescenta a arquiteta.


Conjunto destaca-se “não só pela forma, mas pelo conforto natural proporcionado pela cortiça”  © António Pinto/Albertina Oliveira – Arquitetura Lda.
 

“A forma monolítica surgiu a partir da ideia básica que eu tive de trabalhar com a versatilidade deste material. A geometria para este conjunto monolítico foi estabelecida através da decomposição dos elementos da forma da mesa, cadeira, e luminária”, revela ainda a portuguesa, num comunicado enviado ao Boas Notícias.

Para Albertina Oliveira, “a forma e a unidade do objeto, combinadas com o inovador de materiais na sua conceção, são fatores que distinguem estas peças de todas as outras”.
 

Licenciada em Arquitetura pela Faculdade de Arquitetura da Universidade do Porto, Albertina Oliveira inaugurou o seu ateliê (Albertina Oliveira – Arquitetura Lda.) em 1999 com a missão de “pensar e propor espaços em que a arquitetura seja coerente na resposta às várias condicionantes e se traduza num todo com identidade”.
 
Clique AQUI para saber mais sobre este projeto no site oficial da arquiteta. 

Notícia sugerida por Maria Pandina

Comentários

comentários

BN TV

O Boas Notícias está de volta!

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório