Fitness & Bem-estar

Moradores vão devolver à Vila Berta esplendor original

A conhecida Vila Berta, localizada na Graça, em Lisboa, iniciou ontem as suas obras de requalificação. No total , a Vila Berta é constituída por 16 prédios que mantêm a traça original, que remonta à arquitetura industrial.
Versão para impressão
Os moradores da Vila Berta uniram-se numa associação para travar a degradação do quarteirão mais mimoso da Graça. As obras de requalificação arrancaram esta semana e vão devolver àquela rua lisboeta, com 16 edifícios, o brilho original.

A Vila Berta é constituída por 16 prédios que remontam à arquitetura industrial. O projeto de remodelação ganhou vida devido à própria vontade dos moradores que se uniram para criar a Associação de Defesa do Património de Vila Berta (ADPVB). Com a ajuda da Faculdade de Arquitetura de Lisboa, os moradores conseguiram arranjar os apoios necessários.

No ano passado, a associação o projeto de remodelação da Vila Berta foi um dos vencedores do programa da camâra de Lisboa “BIP/ZIP Lisboa-Parcerias Locais”, que apoia Bairros e zonas de intervenção prioritária.

“Os Pátios e as Vilas Operárias são uma tipologia única e identitária de Lisboa, mas que se encontram em extinção. A Vila Berta, um século depois da sua construção, é uma propriedade distribuída por mais de 30 proprietários, confrontando-se com uma responsabilidade acrescida de conservação”, explica em comunicado de imprensa Estêvão Tojal, arquiteto e membro da ADPVB.

Image and video hosting by TinyPic

A intervenção vai abranger as fachadas dos 16 edifícios da rua, onde os materiais danificados serão substituídos. Todos os prédios serão também pintados, com o apoio das tintas Bardot, recuperando as cores originais da Vila Berta, edificada há cerca de 100 anos, na época industrial.

“Para além do património cultural físico, existe ainda outro património socio cultural associado à Vila Berta que pretendemos preservar: a vida comunitária, as relações de boa vizinhança entre os moradores desta aldeia e a participação de todos em atividades comuns como a decoração da Vila para o Arraial”, explica o arquiteto Estêvão Tojal.

Estima-se que as obras durem cerca de três meses, nesta Vila que é considerado Imóvel de Interesse Público desde 1996 e que foi construída no início do século XX.

Construída por Joaquim Francisco Tojal entre 1908 e 1911, em terrenos da Quinta de Alcaide Fidalgo, na Graça, a Vila Berta foi batizada com o nome da sua filha Bertha e destinava-se ao alojamento do grande fluxo de familiares que migraram para Lisboa para trabalhar no desenvolvimento industrial e comercial da cidade.

Comentários

comentários

Etiquetas

BN TV

O Boas Notícias está de volta!

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório