Sociedade

Montalegre atribui abonos de família e patrocina creche

A Câmara Municipal de Montalegre vai apoiar financeiramente as famílias com três ou mais filhos e oferecer cerca de 100 euros por mês para pagar a cresce.
Versão para impressão
A Câmara Municipal de Montalegre vai apoiar financeiramente as famílias com três ou mais filhos e oferecer cerca de 100 euros por mês para pagar a cresce. O novo programa de apoio entra em vigor já no próximo dia 21 de Março e visa aumentar a natalidade, fixar opessoas e melhorar as condições de vida dos mais carenciados naquela região.
 
A partir deste mês, os agregados familiares com três ou mais filhos até aos 12 anos de idade vão poder receber um “abono de família” que varia entre os 20 e os 30 euros mensais. A iniciativa pretende colmatar uma lacuna deixada na sociedade, depois de este montante ser “criminosamente” retirado às famílias, deixando-as financeiramente instáveis. 
 
A oferta é válida para residentes no concelho há, pelo menos, um ano. Em comunicado, Orlando Alves garante que, “caso se notem agregados familiares em situação debilitada, haverá sempre condições de alterar o regulamento e possibilitar que o segundo filho seja beneficiário deste apoio, pago ao longo dos 12 meses do ano”. 
 
Além desta componente solidária, a Câmara irá ainda comparticipar em cerca de 100 euros as despesas com creches de crianças até aos 3 anos, suportadas por famílias cujo rendimento mensal for igual ou inferior ao salário mínimo nacional. 
 
“As famílias gastam o que têm e o que não têm para colocar os filhos nas creches, onde as prestações mensais são escandalosamente exageradas”, diz o autarca, que aponta esta questão como uma das principais causas da desistência de ter filhos. 
 
Orlando Alves diz ainda não saber quanto é que a medida vai custar aos cofres do município, mas desvaloriza valores, afirmando que o que quer é “acudir às necessidades de quem está em situação de aflição”, até porque o envelhecimento e a diminuição da população “traz consequências negativas ao desenvolvimento local”. 

Comentários

comentários

Pub

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub