Mundo

Moçambique: jovens portugueses ajudam crianças

Engenheiros, arquitetos, gestores: são catorze os jovens portugueses, recém-licenciados, que colaboram no projeto de voluntariado "Inov Moz Solidário", que irá ajudar 160 crianças de Macia, localidade situada a cerca de 200 quilómetros de Maputo, cap
Versão para impressão
Engenheiros, arquitetos, gestores: são catorze os jovens portugueses, recém-licenciados, que colaboram no projeto de voluntariado “Inov Moz Solidário“, que irá ajudar 160 crianças de Macia, localidade situada a cerca de 200 quilómetros de Maputo, capital de Moçambique, noticia o Jornal de Notícias.

A população de Macia vive da agricultura. Com a ajuda imprescindível do pastor anglicano Campira, o grupo vai recolhendo roupa, sapatos, material e equipamento escolar, resultantes de donativos que depois os portugueses fazem chegar à vila.

Com idades entre os 24 e 30 anos, a estagiar em empresas sediadas na capital moçambicana, são os próprios jovens a gerir o projeto. O “Inov Moz Solidário” arrancou em 2009, quando três estagiários organizaram uma angariação de fundos para auxiliar crianças moçambicanas de Macia.

A segunda edição da iniciativa ocorreu no início deste ano, quando Inês Silva regressou, três anos depois, a Moçambique: “Decidi de imediato prolongar a minha ligação a Macia”, disse, revelando que já em 2006 tinha prestado apoio à população da vila.

Inês contou com a colaboração de amigos: “A causa foi abraçada com muita força” e o projeto cresceu, ganhando “uma dinâmica pouco vista”, segundo a jovem portuense, que afirma que os voluntários “são excepcionais”.

Os contatos através de email e redes sociais, com familiares e amigos, permitiu recolher fundos para aquisição de material escolar e sapatos para 160 crianças, a maioria órfã.  “Quem quiser ajudar, é bem- vindo”, remata Inês, mesmo que o faça apenas através da divulgação do projeto em Portugal.

É possível “fazer a diferença”, diz, e “dar àquelas crianças desprotegidas o que é muito importante para elas: bens essenciais para poderem viver”.

Comentários

comentários

Etiquetas

BN TV

O Boas Notícias está de volta!

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório