Mundo

Menino de dois anos na sociedade britânica de génios

Com apenas dois anos de idade, Adam Kirby tem um quociente de 141 e é o membro mais jovem da sociedade britânica de génios. O pequeno prodígio é considerado mais inteligente do que Barack Obama e David Cameron.
Versão para impressão
Com apenas dois anos de idade, Adam Kirby tem um quociente de 141 e é o membro masculino mais jovem da sociedade britânica de génios. Com esta idade, o pequeno prodígio já é considerado mais inteligente do que Barack Obama e David Cameron.
 
Aos dois anos, Adam ainda não diz frases completas, mas está a aprender espanhol, francês e japonês. Lê Shakespeare, consegue soletrar mais de cem palavras e está a aprender a tabela periódica.
 
Natural de Mitcham, no sul de Londres, a criança revelou um QI de 141 no teste de Stanford-Binet, sendo que, a partir dos 130, uma criança é já considerada sobredotada.

Este valor torna a criança mais inteligente do que importantes personalidades políticas, como o presidente dos EUA, Barack Obama, e o primeiro-ministro britânico, David Cameron, ambos com QIs mais baixos (131). 
 

Perante esta revelação, e tendo em conta que o QI médio dos britânicos é 100, a Mensa (Sociedade de Altos Quocientes de Inteligência) não hesitou e tornou Adam o membro masculino mais novo da instituição. 
 
Até agora, o registo de génio mais precoce correspondia a uma menina, Elise Tan-Robberts, de dois anos e quatro meses (atualmente com seis) com um QI de 160, o equivalente ao génio alemão Albert Einstein, inscrita na Mensa em 2009.
 
Em entrevista ao Daily Mail, os pais da criança dizem-se surpreendidos, embora tenham dado conta de que algo estranho se passava com o menino quando este leu o seu primeiro livro, apenas com um ano de idade.
 
Aos 29 meses (dois anos e cinco meses), Adam sabe a tabuada até 10, conhece todos os planetas do sistema solar e completou um puzzle com o mapa do mundo, desenhado para adultos.
 
Com apenas algumas semanas, Adam começou a revelar os primeiros sinais de um grande avanço intelectual. “Nessa idade a maioria das crianças tenta aprender a levantar-se ou a gatinhar mas o Adam já lia livros e a mente dele evoluiu de uma forma explosiva”, conta Dean, o pai do menino, com 33 anos e consultor de informático de profissão.
 
Apesar de tudo, e ao contrário do que normalmente acontece em crianças sobredotadas, Adam é “bastante atlético, divertido e brincalhão”, dizem os pais.
 
O pequeno inglês torna-se, assim, a décima nona criança a juntar-se à Mensa ainda antes de entrar para a escola.
 
Agora, o papel da instituição é estimular o desenvolvimento de Adam num ambiente intelectual e social mais adequado às suas capacidades.

Clique AQUI para ver conhecer Adam Kirby e as fotos que o Daily Mail publicou do pequeno génio.

Notícia sugerida por Maria Pandina

Comentários

comentários

Pub

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub