Mundo

Menina corta cabelo para doar a crianças com cancro

No Canadá, uma menina de três anos cortou grande parte do cabelo para o poder doar a crianças com cancro, sujeitas a tratamentos que o fazem cair. A generosidade de Emily James está a emocionar milhares de pessoas no mundo inteiro através de um vídeo
Versão para impressão
No Canadá, uma menina de três anos cortou grande parte do cabelo para o poder doar a crianças com cancro, sujeitas a tratamentos que o fazem cair. A generosidade de Emily James está a emocionar milhares de pessoas no mundo inteiro através de um vídeo onde a pequena explica a sua decisão. 
 
“Às vezes, as crianças ficam doentes e o cabelo acaba por lhes cair”, conta. “E isso é muito, muito triste. Eu tenho muito cabelo, por isso quero cortá-lo para dar a alguém que o queira”. A vontade de Emily é expressa no vídeo que os pais divulgaram nas redes sociais e que, em pouco tempo, se tornou viral, sendo partilhado por personalidades conhecidas como a apresentadora Ellen DeGeneres. 
 
Tudo começou depois de os pais explicarem à menina o facto de haver crianças sem cabelo, por estas sofrerem de cancro e terem de ser sujeitas a tratamentos intensivos que o fazem cair. Para as ajudar, há quem corte o cabelo e, em vez de este ir para o lixo, o doe para produção de perucas. 


Comovida com a ideia e ciente do longo comprimento do seu cabelo, Emily não pensou duas vezes e pediu aos pais para a levarem ao salão do tio, pois queria cortá-lo e doá-lo a crianças. Espantados com a vontade da filha, os pais alertaram-na para o tempo que o cabelo demoraria até voltar a crescer, mas esta mostrou-se determinada a avançar com o plano.
 
Para a ocasião, a menina fez-se acompanhar da boneca ilustrativa da personagem Rapunzel, do filme 'Entrelaçados', da Disney, a quem Mathew, o tio, também cortou o cabelo, de maneira a que as duas ficassem com o mesmo penteado. 
 
“Não quero ver meninos tristes por não terem cabelo”, afirma Emily. “Por isso vou dar-lhes o meu cabelo, porque tenho muito e, se o cortar, posso dá-lo à vontade porque ele volta a crescer”.

No fim, já com menos cerca de 20 centímetros de cabelo, a menina mostra-se visivalmente satisfeita com o resultado e com o novo 'look', pensado em prol de uma nobre causa.

Notícia sugerida por Ana Sofia Pinto e Raquel Baêta

Comentários

comentários

Pub

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub