Saúde

Médicos invertem veias de coração de bebé

NULL
Versão para impressão
Em Inglaterra um bebé nasceu com uma má formação rara ao nível do coração. Três meses depois de uma delicada cirurgia a recuperação do bebé, agora com três meses foi total, segundo noticiou o jornal britânico Daily Mail.

Ellis Hobbs nasceu com uma má formação rara conhecida por drenagem venosa pulmonar anómala total (DVPAT) e que afeta apenas uma em cada 20 milhões de crianças em todo o mundo.

Devido a esta doença, as veias pulmonares de Elli, que deviam estar ligadas ao lado esquerdo do coração, estavam ligadas ao lado direito.

Esta cardiopatia congénita faz com que o sangue seja bombeado na direção errada e requer intervenção cirúrgica no período neonatal, muitas vezes em caráter de emergência, para evitar a morte por hipertensão e/ou hiperfluxo pulmonar.

Com apenas oito dias o recém nascido foi alvo de uma cirurgia delicada no “Birmingham Children’s Hospital”.

Segundo o jornal britânico, o problema foi encontrado pela parteira que reparou que o bebé tinha os lábios azulados. Após alguns exames os médicos perceberam que o bebé sofria de drenagem venosa pulmonar anómala e que tinha de ser operado com urgência.

Em declarações ao Daily Mail, os pais da criança dizem-se “muito agradecidos” pelo trabalho dos médicos.“O nosso filho está connosco hoje, exclusivamente graças ao trabalho dos médicos. Não podemos agradecer-lhes o suficiente”, cita o jornal britânico.  

Comentários

comentários

BN TV

O Boas Notícias está de volta!

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório