Cultura

Matemática: Portugal traz 4 medalhas das Olimpíadas

A equipa olímpica portuguesa conquistou quatro medalhas - uma de ouro, duas de prata e uma de bronze, na XXVIII edição das Olimpíadas Ibero-americanas de Matemática que terminam este sábado, na cidade do Panamá.
Versão para impressão
A equipa olímpica portuguesa conquistou quatro medalhas – uma de ouro, duas de prata e uma de bronze -, na XXVIII edição das Olimpíadas Ibero-americanas de Matemática que terminam este sábado, na cidade do Panamá. 
 
Todos os quatro elementos da equipa, constituída pelos estudantes Luís Duarte (Escola Secundária de Alcains), Miguel Torres Costa (Grande Colégio Universal, Porto), Miguel Moreira (Escola Secundária Rainha D. Amélia, em Lisboa) e Miguel Santos (Escola Secundária de Alcanena), foram medalhados naquele que é o melhor resultado de sempre, em pontos, da participação nacional. 
 
A medalha de ouro foi para Luís Duarte, com 42 pontos, as de prata para Miguel Santos e Miguel Moreira (ambos com 41 pontos) e a de bronze foi conquistada por Miguel Torres, com 30 pontos. Os alunos foram acompanhada pelos professores Alfredo Costa e Jorge Sentieiro Neves da Universidade de Coimbra, membros do Projeto Delfos.
 
Em comunicado, a escola Delfos da Universidade de Coimbra, que treina os estudantes para as várias Olimpíadas de Matemática, afirma que os estudantes que representaram Portugal no Panamá têm um ” paixão crónica pela Matemática” que os impulsiona frequentar os estágios de Coimbra, “num espírito de fraterna aprendizagem e troca de experiências”. 
 
“Os délficos são um grupo extremamente unido; a chave do sucesso nas competições de matemática é fruto do trabalho individual continuado de cada délfico, mas na origem desse sucesso estão também os laços de aprendizagem que entre eles se estabelecem”, acrescenta ainda a escola. 
 
As Olimpíadas Ibero-americanas de Matemática são uma competição de Matemática de alto nível destinada a estudantes do ensino não superior. É organizada em itinerância pelos países: Argentina, Bolívia, Brasil, Chile, Colômbia, Costa Rica, Cuba, Equador, Espanha, Guatemala, Honduras, México, Nicarágua, Panamá, Paraguai, Perú, Portugal, Porto Rico, República Dominicana, El Salvador, Uruguai e Venezuela. 
 
A primeira edição ocorreu em 1985 na Colômbia (país que este ano organizou as Olimpíadas Internacionais de Matemática). Até 2006, estas olimpíadas tiveram o alto patrocínio da Organização de Estados Ibero-americanos. Em 2007, numa organização conjunta do Departamento de Matemática da Universidade de Coimbra e da Sociedade Portuguesa de Matemática, Coimbra foi a anfitriã da XXII edição desta competição; a primeira (e à data única) vez que ela veio a Portugal. 
 
A partir de 2007 as edições das Olimpíadas Ibero-americanas de Matemática são organizadas com fundos locais, angariados pelas Universidades e Sociedades de Matemática envolvidas e também pelos Ministérios da Educação. O projeto Delfos reconhece ainda apoio financeiro da Fundação Calouste Gulbenkian e da Agência Ciência Viva – a através do programa Escolher Ciência do QREN.
 

Comentários

comentários

Etiquetas

Pub

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub