Mundo

Maré negra: EUA aceitam ajuda de 12 países

Os EUA vão aceitar, pela primeira vez desde a explosão na plataforma da petrolífera BP a 22 de junho, ajuda internacional oferecida por 12 países e organizações internacionais para ajudar a limpar e conter o derrame de petróleo no Golfo do México.
Versão para impressão
[Imagem: © BP p.l.c.]

Os EUA vão aceitar, pela primeira vez desde a explosão na plataforma da petrolífera BP a 22 de junho, ajuda internacional oferecida por 12 países e organizações internacionais para ajudar a limpar e conter o derrame de petróleo no Golfo do México.

Em comunicado citado pela AFP, as autoridades norte-americanas explicam que aceitarão 22 “ofertas de ajuda de 12 países e organismos internacionais, inclusive dois separadores de óleo e água de alta velocidade e bóias de contenção de incêndio do Japão”.

Uma porta voz da Guarda Costeira, Gina Ruoti, que coordena com a BP a resposta a este acidente ambiental, adiantou que o Canadá, México, Noruega e Japão foram alguns dos países que ofereceram as bóias de contenção e recolha de petróleo da superfície do mar.

Os separadores também foram oferecidos por México, Noruega, França e Japão e um sistema de limpeza foi enviado pela Holanda, de acordo com informação da mesma responsável à AFP.

Mais detalhes sobre esta ajuda estarão disponíveis depois de concluídas “as modalidades particulares de entrega da assistência oferecida”, conforme destaca o mesmo comunicado.

Os EUA costumam estar na linha da frente dos países que prestam ajuda internacional mas face à amplitude deste desastre ambiental decidiram agora aceitar ajuda de 12 dos 27 países que ofereceram auxílio ao governo norte americano.

Estima-se que de 1,6 a 3,6 milhões de barris de petróleo já tenham sido vertidos para as águas do Golfo do México.

Comentários

comentários

Etiquetas

BN TV

O Boas Notícias está de volta!

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório