Ambiente

Mais patentes “verdes” em Portugal

Desde 2007, o número de projetos "verdes" patenteados em Portugal aumentou exponencialmente. Nos últimos anos, o número de patentes portuguesas amigas do ambiente aumentou cinco vezes, de acordo com dados oficiais.
Versão para impressão
Desde 2007, o número de projetos “verdes” patenteados em Portugal aumentou exponencialmente. De acordo com dados oficiais, nos últimos anos, o número de patentes portuguesas amigas do ambiente aumentou cinco vezes.

Segundo o Instituto de Patentes Europeu – cujos dados foram compilados por investigadores do Sustainability Knowledge Center do ISCTE – entre 2007 e 2011, Portugal registou, em média, 21,6 patentes que têm em conta necessidades ambientais.

O número de patentes “verdes” portuguesas – registadas tanto em institutos de patentes nacionais como internacionais – subiu, assim, cinco vezes face à época entre 2000 e 2006, altura em que foram contabilizados, em média, 4,6 registos anuais.

Na definição da OCDE (Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Económico), estas patentes têm em conta a gestão de resíduos, a redução de poluição, as energias renováveis, meios de transporte híbridos ou elétricos ou a eficiência energética.

[Notícia sugerida por Vítor Fernandes]

Comentários

comentários

Etiquetas

BN TV

O Boas Notícias está de volta!

Pub

Aid Global

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub