Cultura

Mais de 200 filmes independentes em LX

NULL
Versão para impressão
Apesar dos cortes orçamentais, o festival de cinema mais independente do país regressa a Lisboa sem qualquer prejuízo ao nível da qualidade da programação. São 245 filmes, muitos em estreia absoluta, e atividades paralelas que incluem, por exemplo, um concerto dos Tindersticks no dia 11 de maio.

A edição de 2010 do festival consagrou-se como a maior de sempre (com um recorde de 45 mil espetadores em sala), mas este ano “o Indie sofreu na pele” com a atual crise, sofrendo cortes de 20 mil euros no apoio do Instituto do Cinema e do Audiovisual e de outros 50 mil euros do Instituto do Turismo.

Por isso, este ano houve ideias novas que tiveram de ficar em suspenso e dois projetos que terminaram. Mas se programação deste ano é mais reduzida a qualidade, essa mantém-se, sublinha a organização. Um dos diretores do evento, Nuno Sena, sublinhou, na apresentção do novo festival, que o Indie terá “uma programação muito forte que não fica a dever à anterior”.

Júlio Bressane, o Herói Independente

Todas as secções oficiais se mantêm: Competição Internacional, Observatório, Cinema Emergente, Pulsar do Mundo e IndieJúnior. Na secção Cinema Emergente destaca-se ainda uma programação especial de 18 filmes da escola Le Fresnoy – Studio National des Arts Contemporaines e no IndieJúnior haverá uma programação especial de 11 filmes do estúdio de animação Folimage.

As secções paralelas Director`s Cut, IndieMusic e Sessões Especiais também continuam este ano, que terá Júlio Bressane como Herói Independente, com a exibição de 17 filmes do realizador brasileiro. O cinema português está representado por 30 filmes (entre 9 longas metragens e 21 curtas).

Entre as atividades paralelas, onde continuam a constar as Lisbon Talks ou a animação nocturna Indie by Night, este ano inclui-se o concerto dos Tindersticks, que vão tocar a música para os filmes de Claire Denis (que também serão invocados visualmente), dia 11 de Maio na Aula Magna.

245 filmes

Ao todo, o Indie exibe 245 filmes (82 longas-metragens e 163 curtas) selecionados de entre 3720 obras. Cento e oitenta dos filmes do festival são europeus, sete são da Ásia, 56 são americanos e há ainda um africano e outro da Oceânia .

Entre os géneros, há 114 ficções, 63 documentários, 43 animações, 37 filmes experimentais e 4 vídeos de música. Do total de 245 filmes, 28 serão estreias mundiais, 15 serão estreias internacionais, 4 serão estreias europeias e 163 serão estreias nacionais.

O Indie decorre entre os dias 5 e 15 de Maio entre as salas do S. Jorge, do Teatro do Bairro, da Culturgest e da Cinemateca. Os filmes exibidos no primeiro dia serão “Carlos” de Olivier Assayas, e “Les Amours Imaginaires”, de Xavier Dolan.

Consulte AQUI o site oficial do Indie Lisboa´11.

Comentários

comentários

Etiquetas

Pub

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub