Ambiente

Loures e Barreiro “A pé para a escola”

Todos os dias, um ou mais encarregados de educação levam as crianças à escola, a pé, através de um percurso predefinido e com "paragens fixas" onde as crianças são "recolhidas". Esta é a iniciativa posta em prática por seis escolas do primeiro cic

Versão para impressão
Todos os dias, um ou mais encarregados de educação levam as crianças à escola, a pé, através de um percurso predefinido e com “paragens fixas” onde as crianças são “recolhidas”. Esta é a iniciativa posta em prática por seis escolas do primeiro ciclo dos concelhos de Loures e do Barreiro e que se prolongará, pelo menos, até julho de 2011.

A Fundação Calouste Gulbenkian financia o projeto experimental que visa promover a mobilidade sustentável, a saúde das crianças e a sua interação com a comunidade.

O projeto “A pé para a escola” espera contribuir também para a redução da utilização dos automóveis, especialmente em distâncias que, de tão curtas, muitas vezes não se justificam. Valoriza-se, assim, perante a comunidade escolar, a importância de andar a pé.

“Nos últimos anos temos vindo a assistir a uma quebra dramática do modo pedonal no acesso à escola por parte dos alunos”, refere a autarquia de Loures em comunicado. “A tomada e a largada de alunos nas escolas pelos seus pais, cada um no seu automóvel, têm-se tornado num grave problema de gestão da mobilidade, segurança rodoviária e organização do espaço público junto às entradas das escolas”.

O conceito foi também instituido em Lisboa (sob o nome Pedibus), nos bairros de Alvalade e Campo de Ourique. As escolas aderentes são as EB1 Santo António, Fernando Pessoa e Ressano Garcia.

Comentários

comentários

BN TV

O Boas Notícias está de volta!

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório