Negócios e Empreendorismo

Londres premeia compotas e cogumelos portugueses

Há compotas e cogumelos portugueses entre os 100 melhores novos produtos do mundo no setor agroalimentar. As criações das empresas nacionais gumelo e meia.duzia® foram distinguidas, em Março, no âmbito do IFE - The International Food & Drink Event,
Versão para impressão
Há compotas e cogumelos portugueses entre os 100 melhores novos produtos do mundo no setor agroalimentar. As criações das empresas nacionais gumelo e meia.duzia® foram distinguidas, em Março, no âmbito do IFE – The International Food & Drink Event, o maior evento do Reino Unido na área.
 
De acordo com um comunicado divulgado pelo programa “Portugal Sou Eu”, que levou 24 negócios portugueses até àquela feira britânica, as compotas em bisnaga da meia.duzia® e os cogumelos produzidos em casa a partir de borras de café da gumelo conquistaram um lugar entre os 100 “Best New Products” premiados pelo IFE. 
 
Trata-se de um prémio que “destaca o conceito e o 'design' inovadores”, elementos que marcam ambos os produtos que ostentam o selo “Portugal Som Eu”, um símbolo da valorização da produção nacional que tem qualificado inúmeros produtos do setor alimentar.

Compotas inspiradas pela pintura e cogumelos 'gourmet'

As compotas em bisnaga de alumínio da meia.dúzia® destacam-se por dispensar “os frascos, as colheres e as facas para barrar”, inspirando-se no universo da pintura, com os seus tubos de tinta e as cores vivas de frutas como a pêra, a maçã ou o mirtilo. 
 
“Com as bisnagas, a exposição do doce ao ar após a abertura é reduzida e a fruta não oxida com a luz, mantendo as cores originais”, explica, no seu site oficial, a empresa premiada, que privilegia, nas suas compotas, produtos portugueses, que vão da Pêra Rocha ao Vinho do Porto.

Já a gumelo, fundada em 2012 por três jovens portugueses devido a uma vontade dos criadores de “retribuir” o que o meio ambiente lhes foi dando ao longo da vida – conforme explicaram numa entrevista ao Boas Notícias por ocasião do lançamento da marca – dá aos clientes a hipótese de cultivar, em casa, os seus próprios cogumelos 'gourmet'.
 
Basta colocar as embalagens vendidas pela empresa, cujo substrato é feito de borras de café, num sítio com exposição direta ao sol e borrifás-la com água de manhã e à noite. Alguns dias depois, nascem os primeiros cogumelos, “que crescem da noite para o dia”, podendo, depois, ser cozinhados.


A gumelo permite-lhe cultivar, em casa, os seus próprios cogumelos 'gourmet', saudáveis e sem aditivos © gumelo

Produtos distinguidos pelo caráter inovador

 
“É um orgulho que estas menções honrosas tenham sido atribuídas a duas empresas aderentes ao programa, nomeadamente por se tratar de distinções que se dirigem a produtos inovadores”, afirmam os responsáveis do “Portugal Sou Eu”.
 
Para os promotores do programa, a participação no evento britânico, a primeira experiência além-fronteiras, “foi bastante relevante, pois, para além de o IFE ser o mais importante evento do setor do Reino Unido, também demonstra a constante evolução da área alimentar e identifica as novas tendências dos consumidores a nível mundial”. 
 
O IFE decorreu em Londres, capital inglesa, entre 22 e 25 de Março e contou com a presença de centenas de empresas dos setores do retalho, 'foodservice, vendas por grosso e distribuição, tendo recebido cerca de 30 mil visitantes.

Comentários

comentários

BN TV

O Boas Notícias está de volta!

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório