Sociedade

Lisboa: PSP faz leilões de “perdidos e achados”

O comando metropolitano da Polícia de Segurança Pública (PSP) de Lisboa vai realizar, esta quarta e quinta-feira, na secção de achados do comando, nos Olivais, dois leilões com artigos encontrados que não foram reclamados pelos proprietários.
Versão para impressão
O comando metropolitano da Polícia de Segurança Pública (PSP) de Lisboa vai realizar, esta quarta e quinta-feira, na secção de achados do comando, nos Olivais, dois leilões com artigos perdidos que foram encontrados pelas autoridades ou entregues à polícia, não tendo sido reclamados pelos proprietários.
 
No total vão ser leilados cerca de 4.000 artigos, distribuídos por 478 lotes, desde roupa a acessórios, passando por objetos eletrónicos (como telemóveis), livros e até bicicletas e tendas de campismo. O valor dos objetos proposto pela PSP começa nos 0,50€ e vai aumentando consoante as licitações.
 
Segundo fonte oficial da PSP citada pela Lusa, os objetos vão a leilão por já ter passado um ano – o prazo legal até serem considerados propriedade do Estado – sobre o seu desaparecimento sem que tenha havido reclamação.
 
O leilão vai estar “aberto à participação do público em geral” e, de acordo com a mesma fonte, “o dinheiro angariado reverte para os serviços sociais da PSP”.

Notícia sugerida por David Ferreira

Comentários

comentários

Pub

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub