Cultura

Leilão: Salva de prata lusa vendida por 310 mil euros

Foi vendida em leilão, esta segunda-feira, uma salva de prata dourada portuguesa pelo valor de 310 mil euros. A peça, datada de finais do século XV, tinha uma base de licitação de 100 mil euros mas o valor de venda final superou-a em grande escala.
Versão para impressão
Foi vendida em leilão, esta segunda-feira, uma salva de prata dourada portuguesa pelo valor de 310 mil euros. A peça, datada de finais do século XV, tinha uma base de licitação de 100 mil euros mas o valor de venda final superou-a em grande escala.
 
Segundo a agência Lusa, foi estabelecido um recorde nacional para um exemplar desta natureza. O valor mais elevado atingido tinha sido registado no ano de 2008, com uma salva semelhante licitada por 240 mil euros e foi agora ultrapassado.

A leiloeira Cabral Moncada, responsável pelo evento, afirmou que esta é uma salva de pé baixo, provavelmente criada no período de transição entre o Gótico e a Renascença.

Filipe Costa, assessor da leiloeira, revelou que a peça foi disputada na sessão em Lisboa por compradores portugueses e estrangeiros. Acabou por ser um cidadão nacional a adquiri-la, embora a sua identidade não tenha sido revelada.
 
O recorde internacional da venda de uma salva de prata portuguesa é de 430 mil euros. Foi estabelecido em 2008 num leilão da Sotheby’s que pretendia fazer a transição das peças para o Museu do Louvre, em Paris.

De acordo com a leiloeira Cabral Moncada, os valores de licitação têm vindo a aumentar devido ao aparecimento de obras raras passíveis de serem expostas em museus.

Comentários

comentários

BN TV

O Boas Notícias está de volta!

Pub

Aid Global

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub