Mundo

Israel cede à pressão e deixa entrar ajuda

Pela primeira vez em três anos, Israel levantou o bloqueio que proibia a entrada de diversos alimentos na Faixa de Gaza. Legumes, frutas, sumos e doces entraram esta quarta-feira na região gerida pelo Governo do Hamas.
Versão para impressão
Pela primeira vez em três anos, Israel levantou o bloqueio que proibia a entrada de diversos alimentos na Faixa de Gaza. Legumes, frutas, sumos e doces entraram esta quarta-feira na região gerida pelo Governo do Hamas.

A informação foi confirmada pela coordenadora da Administração Civil em Gaza, Nili Aharon, citada pelo Jornal de Notícias: “Chegaram produtos que antes eram proibidos, como pacotes de batatas fritas, frutas e legumes”.

Israel tem vindo a exercer um severo bloqueio sobre a Faixa de Gaza desde 2006 e, desde então, apenas autorizou a entrada de alguns alimentos básicos e proibiu a maioria de aparelhos eletrónicos ou de construção, alegando que poderiam ter fins militares.

Contudo, após o ataque à Frota da Liberdade, uma embarcação que levava ajuda humanitária ao país, a pressão sobre Israel aumentou consideravelmente.

Tony Blair (enviado da ONU, EUA e Rússia ao Médio Oriente) mostrou-se animado face ao levantamento parcial do bloqueio a Gaza, mas ressalvou que “Israel tem o direito de inspeccionar tudo o que entre em Gaza” acrescentando que “não existe nenhuma dúvida de que há gente em Gaza que quer matar israelitas inocentes. No que diz respeito a segurança, estou com Israel a 100%”, referiu em entrevista ao Canal 10.

Comentários

comentários

BN TV

O Boas Notícias está de volta!

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório