Mundo

Irlanda: Cão prevê ataques epiléticos de menina

Brianna Lynch, uma menina irlandesa de três anos, sofre de epilepsia, mas conta com uma ajuda preciosa - o seu cão.
Versão para impressão
Brianna Lynch, uma menina irlandesa de três anos, sofre de epilepsia, mas conta com uma ajuda preciosa – o seu cão. Charlie, o 'grand danois' da família, criou uma ligação especial com a criança e consegue prever os ataques da menina, cerca de 20 minutos antes de cada episódio acontecer.

Segundo o jornal irlandês 'Clare Champion', que avançou com a história, quando os ataques estão prestes a acontecer, o animal de estimação segura delicadamente a criança contra a parede para que não caia e não a larga enquanto não chegar alguém para a aj.udar.  

Este “sexto sentido” de Charlie, que não recebeu qualquer treino especial, é visto pela mãe de Brianna como algo “fantástico” e tem sido uma grande ajuda já que a Brianna, que vive perto da cidade de Limerick, tem uma forma severa de epilépsia: já tentou oito tipos de medicação diferentes mas os ataques não diminuíram.

“O Charlie é tão sensível às necessidades da Brianna, se os outros cães começam a ficar agressivos, ele vai para o lado dela para garantir que nenhum a empurra. Já sabemos que quando ele começa a ficar estranho significa que ela está prestes a ter um ataque”, conta Arabella, mãe da criança, ao jornal. 

 
Grata pela ajuda do “fiel amigo do homem”, Arabella está também a reunir esforços, juntamente com outra mãe que consulta o hospital de Limerick por causa dos ataques epiléticos da filha, para comprar uma máquina portátil que pode ser usada 24 horas pelos doentes para antecipar os ataques.
 
Clique AQUI para ver a foto de Brianna com Charlie, no site do fotógrafo Arthur Ellis.

Comentários

comentários

Etiquetas

Pub

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub