Ciência

Instituto Gulbenkian de Ciência comemora 50 anos

NULL
Versão para impressão
O Instituto Gulbenkian de Ciência – que hoje em dia conta com cerca de 260 investigadores – completa esta terça-feira 50 anos, assinalando a data com uma conferência que pode ser acompanhada online, avança o portal da instituição.

O Instituto Gulbenkian de Ciência (ICG) surgiu da necessidade de profissionalizar a ciência em Portugal, criando as primeiras pós-graduações que existiram no país.

Em 2010, o IGC, em Oeiras, foi considerado pela prestigiada revista científica Science como uma das dez melhores instituições fora dos EUA para trabalhar após o doutoramento.

Atualmente, no IGC trabalham 138 doutorados e 124 estudantes de doutoramento, de 31 nacionalidades, inseridos em 47 grupos de investigação em várias áreas como a cura para o cancro ou o envelhecimento humano.

Os números revelam que já foram produzidos no IGC mais de mil publicações científicas internacionais, que foram citadas mais de 16 mil vezes por cientistas em todo o mundo.

O Instituto começou por ter apenas cinco centros de investigação. Foi, por exemplo, no Centro de Cálculo da Gulbenkian que apareceu o primeiro computador de Portugal. Um outro centro do instituto, o de Economia, contou com colaboradores famosos como o atual Presidente da República, Cavaco Silva.

Acompanhe aqui a cerimónia de comemoração dos 50 anos do Instituto Gulbenkian de Ciência.

Comentários

comentários

BN TV

O Boas Notícias está de volta!

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório