Em Destaque Fitness & Bem-estar

Hidroginástica – exercício com alegria e sem restrições

Falar de hidroginástica é realmente falar de muita emoção, de bem-estar, de socilalização, de alegria e exercício.
Versão para impressão

 

A hidroginástica é e sempre será o meu bebé, o meu primeiro amor no exercício físico. Foi como instrutora de hidroginásica que comecei a minha atividade profissional, há 14 anos. Depressa me rendi a esta atividade física, porque concilia água, exercício fisico, música, bem-estar físico e emocional e muita animação.

Tive muita sorte, porque durante o meu percurso académico tive a melhor de todas as mestres, que me ensinou coreografias, exercícios, estratégias e especialmente como lidar e motivar os nossos alunos, todos tão diferente, sempre à procura de exercício, mas também de um olhar atento e feliz para que cada  aula fosse uma festa.

Sabendo muita teoria e com muitos “treinos nas pernas”, assim comecei as minhas aulas de Hidroginástica e, o melhor veio depois, o feed-back dos meus alunos. Após 1 aula, 1 semana, 1 mês, as melhorias eram evidentes, com alunos novos e menos novos a salientarem que com a prática de Hidroginástica o seu corpo mudava, melhorava, que tinham mais flexiblidade, mobilidade, que emagreciam, que se sentiam mais felizes. Estava rendida.

Realmente, é verdade, a hidroginástica é um exercício aeróbico sem restrições para os seus praticantes. A hidroginástca é uma prática fantástica e única dentro do fitness, porque numa única aula, conseguimos ter alunos de todas as faixas etárias, alunos com muitas limitações físicas, muitas vezes a recuperarem de lesões graves, com recomendação médica sendo a última tentativa de realizar exercício físico e, entram na água e realizam exercícios que julgávamos impensáveis serem realizados, dentro e fora de água, porque não existe o impacto nas articulações que ocorre noutras modalidades.

Obviamente que nem todos os alunos realizam a aula e os exercícios da mesma forma, mas até aí é tão especial e única. O professor executa e orienta a sequência de exercícios, impõe um ritmo à aula e cada aluno realiza os exercícios ao seu ritmo, com a sua intensidade e com a amplitude que o seu corpo possibilita, sendo uma aula com alunos heterógeneos, em que cada um tem objetivos diferentes, mas que a todos cativa.

Muitas vezes ouvimos “Mas a hidroginástica é para velhinhos”, eu respondo, “É sim, porque realmente tem benefícios para o corpo verdadeiramente fantásticos para essa população”, mas engana-se quem considera esta prática tão redutora. Se os alunos realizarem os exercícios com alta intensidade, em suspensão, com vários materiais e com a máxima amplitude, as diferenças no corpo dos nossos alunos são mais que visíveis. Se o ritmo imposto for intenso, durante a aula os alunos transpiram bastante havendo um grande esforço muscular e dispêndio energético.

Por incluir nos seus benefícios um quadro de melhoria na capacidade cardiorrespiratória e auxiliar na queima de uma grande quantidade de calorias, a hidroginástica tornou-se num dos exercícios mais procurados dos últimos tempos.

No que respeita ao feedback dos alunos, não há nada melhor para um professor que ouvir dos nossos alunos: “Se não fosse a hidroginástica já não me mexia e não saía da cama”, “ontem fiquei com os abdominais K.O.”, “julgava que ia viver com esta dor no ombro para sempre, porque não vim há mais tempo para a piscina?”, “É o momento mais feliz, do meu dia. Esta turma é uma família”.

Pois é, a hidróginastica trata muito bem o corpo, mas a mente, acreditem que sai muito mais sã desta aula. Sem dúvida, que esta prática melhora o humor, reduz o stress, a ansiedade, auxilia positivamente em quadros de depressão e ainda contribui para uma melhor qualidade de vida.

Está mais que comprovado que ela também ajuda na socialização dos seus praticantes, aumenta a interação, já que muitos exercícios são realizados em duplas ou grupos e possuem alunos com idades variadas.

Os benefícios adquiridos durante esta atividade podem ser levados para a vida pessoal e profissional dos seus praticantes.

Em modo de resumo, podemos então referir as vantagens da hidróginástica:

– Proporciona melhoria no quadro de algumas doenças crónicas como artrite, por trabalhar bastante as áreas afetadas por esse problema.
– Melhora a circulação sanguínea, erradicando dores em determinadas partes do corpo e cansaço.
– Tonifica os músculos trabalhados (pernas, braços, abdómen e glúteos)
– Aumenta a flexibilidade e mobilidade articular.
– Diminui o peso corporal de forma saudável.
– Apresenta riscos mínimos de fraturas ou lesões.
– Pode ser praticado por pessoas com pouco ou nenhum condicionamento físico.
– Proporciona benefícios na gestação para a mãe e o bebé, além de ser seguro, contribui para uma melhor passagem do bebé na hora do parto.

Para além de todas estas vantagens é de referir que muitos são os materiais que podemos utilizar nas nossas aulas, para aumentar o atrito na água, para aumentar a intensidade, para fazermos exercícios em suspensão durante um grande período de tempo, entre outras…..

As razões para praticar esta modalidade são mais que muitas. Se nunca experimentou a hidroginástica desafio-o a ter uma aula, vai ficar surpreendido.

E nunca se esqueça, tente sempre ter “Um corpo são e uma mente sã”. E então? Vamos para a piscina? No vídeo pode ver alguns exercícios com e sem materiais que podemos realizar numa aula. Bons treinos!!!

Realize sempre os seus exercícios e aulas com um profissional qualificado, ou sozinho se conhecer muito bem os exercícios que irá realizar, se tiver noção das suas limitações e consciência corporal.

Facebook: @thegirlnextdoor.fromportugal
Instagram: filipa.s.custodio
Email: filipascustodio@hotmail.com

Imagem: Nuno Silva e Pinto
Agradecimentos: Câmara Municipal de Coimbra e Piscina de Celas

Comentários

comentários

Pub

Aid Global

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub