Saúde

Gripe A: OMS declara fim da pandemia

Esta terça-feira, a Organização Mundial de Saúde (OMS) declarou o fim da pandemia da Gripe A - ou gripe suína -, um ano após a onda de pânico causada pelo número considerável de mortes provocadas pelo vírus em todo o mundo.
Versão para impressão
Esta terça-feira, a Organização Mundial de Saúde (OMS) declarou o fim da pandemia da gripe A – ou gripe suína -, um ano após a onda de pânico causada pelo número considerável de mortes provocadas pelo vírus em todo o mundo.

O anúncio foi feito após a recomendação expressa nesta terça-feira por um comité da OMS, formado por 15 cientistas e liderado pelo especialista australiano John Mackenzie.

“O novo vírus H1N1 já concluiu o seu ciclo”, confirmou Margaret Chan, diretora geral da OMS, citada pela AFP.A responsável ressalva, no entanto, que “manter a vigilância é extremamente importante”, referindo que a “sorte” também colaborou para conter a pandemia da gripe A.

A gripe H1N1 matou mais de 18.448 pessoas, e afetou 214 países e territórios desde sua deteção no México e nos Estados Unidos, em abril de 2009, de acordo com os dados da OMS.

Foram despendidos milhões de dólares no desenvolvimento de vacinas para prevenir a infeção e rapidamente surgiram críticas dirigidas à indústria farmacêutica pelo volume dos custos gerados pelas medidas de prevenção e combate à pandemia.

Atualmente, boa parte das milhões de doses de vacinas produzidas em caráter de urgência não foram sequer utilizadas.

De acordo com a AFP, a OMS juntou um painel de especialistas para analisar o monumental esquema de combate e prevenção montado contra a gripe suína. As conclusões da comissão devem ser divulgadas no início do próximo ano.

Comentários

comentários

Etiquetas

BN TV

O Boas Notícias está de volta!

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório