Em Destaque Inovação e Tecnologia

Google quer banir notícias falsas

Todos os utilizadores vão ser controlados
Versão para impressão
por redação

Vão ser utilizadas pela Google, as observações dos utilizadores e de avaliadores sobre as pesquisas, para introduzir “melhorias” no seu algoritmo e combater o fenómeno das notícias falsas, anunciou a empresa no seu blogue corporativo.

O vice-presidente de Engenharia da Google, Ben Gomes, escreveu que “num mundo onde dezenas de milhares de páginas são publicadas online a cada minuto e a cada dia, há novas maneiras de as pessoas tentarem burlar o sistema”.

Refere também que “parece que uma pequena parte das pesquisas no nosso tráfego diário (cerca de 0,25%) dá em resultados ofensivos ou claramente enganosos”.

Para remediar esta situação, o motor de buscas do Google vai-se focar em melhorar os métodos de avaliação de conteúdos e atualizar o seu algoritmo que procura conseguir um resultado “bem documentado”.

O Google, já tinha atualizado as suas diretrizes de qualidade para os avaliadores, que já têm exemplos mais detalhados de páginas de baixa qualidade que devem reportar, uma mudança que ajuda a denunciar estes conteúdos.

Recentemente foi disponibilizado pela Google o marcador de verificação de factos (fact check) no Google Notícias e no modo notícias da pesquisa Google, e Portugal está incluído.

Comentários

comentários

BN TV

O Boas Notícias está de volta!

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório