Cultura

Gonçalo M.Tavares premiado pela APE

NULL
Versão para impressão
Gonçalo M. Tavares venceu o Grande Prémio de Romance e Novela atribuído pela Associação Portuguesa de Escritores (APE), em conjunto com o Ministério da Cultura (MC), pela obra “Uma Viagem à Índia”, editada pela Caminho.

A decisão de distinguir o jovem escritor foi “por maioria”, segundo um comunicado da direção da APE, e o júri era constituído por José Correia Tavares, Cristina Robalo Cordeiro, Fernando Dacosta, Isabel Cristina Rodrigues, José Manuel de Vasconcelos e Violante Magalhães, Isabel Cristina Rodrigues e José Manuel de Vasconcelos, tendo os dois últimos votado em “A Cidade do Homem”, de Amadeu Lopes Sabino.

A obra premiada, “Uma Viagem à Índia”, já tinha recebido outras distinções como o Prémio Melhor Narrativa Ficcional 2010 da Sociedade Portuguesa de Autores e o Prémio Especial de Imprensa Melhor Livro 2010 Ler/Booktailors.  

Este ano foram admitidas a concurso 99 obras, “mais 14 do que no ano passado” – correspondendo a “99 escritores, 74 homens, 25 mulheres, tendo a chancela de 43 editoras”, de acordo com os dados da APE. 

O Grande Prémio de Romance e Novela, que atribui 15 mil euros ao vencedor, já distinguiu nomes como Vergílio Ferreira, António Lobo Antunes, Agustina Bessa-Luís e Maria Gabriela Llansol de entre os 25 autores, de 16 editoras, premiados.

Gonçalo M. Tavares conta já com 29 livros publicados em apenas 10 anos, onde se incluem romances, livros de contos, peças de teatro, uma epopeia, ensaios e poesia.

As obras deste autor de 40 anos, já inspiraram peças de teatro, ópera, peças radiofónicas, curtas-metragens, objetos de artes plásticas, vídeos de arte, performances, projetos arquitetónicos e teses académicas em diversos países, segundo o seu blogue.

O escritor já recebeu alguns dos mais importantes prémios da literatura em  língua portuguesa como o Prémio Portugal Telecom 2007, o Prémio José Saramago 2005 e o Prémio Revelação de Poesia da Associação Portuguesa de Escritores.

Gonçalo M. Tavares tem 160 traduções de obras suas em curso com edição em 35 países e o seu romance “Jerusalém” consta da lista “1001 Livros Para Ler Antes de Morrer — Um Guia Cronológico dos Mais Importantes Romances de Todos os Tempos”.

[Notícia sugerida pelo utilizador Vítor Fernandes]

Comentários

comentários

BN TV

O Boas Notícias está de volta!

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório