Sociedade

Fundo de 130 ME para Reabilitação Urbana

As candidaturas à iniciativa JESSICA, um fundo de participações no montante de 130 milhões de euros destinado à reabilitação urbana, estão abertas desde o dia 06 de novembro até 02 de dezembro.
Versão para impressão
As candidaturas à iniciativa JESSICA, um fundo de participações no montante de 130 milhões de euros destinado à reabilitação urbana, estão abertas desde o dia 06 de novembro até 02 de dezembro.

A iniciativa JESSICA, desenvolvida pela Comissão Europeia em conjunto com o Banco Europeu de Investimento (BEI), apresenta um novo mecanismo de engenharia financeira que desafia os Fundos de Desenvolvimento Urbano (FDUs) a agir enquanto veículos de financiamento reembolsável (sob a forma de participações no capital ou empréstimo) de investimentos em reabilitação urbana.

Os FDUs terão o papel de gerir os recursos disponíveis (130 milhões de euros) privilegiando o financiamento de projectos urbanos com impacto económico e de coesão social. A utilização destes instrumentos de engenharia financeira visa aumentar o impacto e a dimensão dos recursos disponibilizados.

Com a publicação no Jornal Oficial da União Europeia, da Call for Expression of Interest (http://www.eib.org/jessica/eoi/kb940.htm), é aberto o prazo para manifestação de interesse à participação neste novo modelo de investimento, que decorre até ao dia 2 de Dezembro.

Podem candidatar-se à constituição e gestão dos FDUs entidades públicas ou privadas em especial que tenham experiência na gestão de fundos, designadamente orientados para a regeneração urbana, que revelem experiência ou disponibilidade de cooperação com investidores privados ou com autoridades públicas, nomeadamente Municípios e estejam disponíveis para aplicar recursos próprios no Fundo de Desenvolvimento Urbano.

São privilegiados nesta call os projetos inseridos num plano integrado de desenvolvimento urbano sustentável que tenham como prioridades:

– Reabilitação e Regeneração Urbana em cidades de média/grande dimensão;
– Eficiência Energética e Energia Renovável em áreas urbanas;
– Revitalização Económica de áreas urbanas direccionada para PMEs inovadoras;
– Disseminação de Tecnologias de Informação e Comunicação em áreas urbanas incluindo banda larga e infra-estrutura sem-fios.

As entidades que forem pré-qualificadas poderão apresentar as suas propostas, sob a forma de um plano de negócio, até ao dia 7 de Fevereiro de 2011.

Estas propostas serão apreciadas pelo BEI, que submeterá a sua apreciação para decisão ao Comité de Investimento do Fundo de Participações JESSICA composto por representantes das entidades financiadoras (Direcção Geral do Tesouro e Finanças, Programa Operacional Valorização do Território e Programas Operacionais Regionais do Norte, do Centro, de Lisboa, do Alentejo e do Algarve).

[Notícia sugerida por Maria Estácio]

Comentários

comentários

BN TV

O Boas Notícias está de volta!

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório