Ciência

Físico português premiado com bolsa europeia

Vítor Cardoso, investigador do Departamento de Física do Instituto Superior Técnico de Lisboa (IST), foi distinguido com uma bolsa do prestigiado European Research Council, no valor de um milhão de euros. O português vai estudar a colisão entre burac
Versão para impressão
[Imagem: © NASA] 

Vítor Cardoso, investigador do Departamento de Física do Instituto Superior Técnico de Lisboa (IST), foi distinguido com uma bolsa do prestigiado European Research Council, no valor de um milhão de euros. O português vai estudar a colisão entre buracos negros, um processo fundamental no campo da Relatividade Geral.

Com aplicações na área da astrofísica e da física de altas energias, a colisão de buracos negros gera uma quantidade astronómica de ondas gravitacionais, que podem ser detetadas com telescópios especiais. O estudo deste processo pode também ajudar a resolver questões complexas a que físicos como Stephen Hawking tentam responder há décadas.

Uma das questões que tem sido levantada por vários físicos que investigam nesta área equaciona a possibilidade da existência de uma singularidade no espaço-tempo, caso dois buracos negros colidam a grande velocidade.

A bolsa do European Research Council, agora atribuída a Vítor Cardoso, tem o intuito de “ajudar jovens cientistas líderes na área que estejam prestes a estabelecer uma equipa de investigação na Europa. O apoio financeiro destina-se a estimular a criação grupos pautados pela excelência”, lê-se no site oficial da entidade.

[Notícia sugerida pela utilizadora Raquel Baêta]

Comentários

comentários

BN TV

O Boas Notícias está de volta!

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório