Lifestyle

Fios de auscultadores reciclados em acessórios de moda

Uma nova colaboração entre o mundo da tecnologia e o mundo da moda tranformou fios de auscultadores inutilizados em acessórios de moda, numa linha amiga do ambiente.
Versão para impressão
Uma nova colaboração entre o mundo da tecnologia e o mundo da moda tranformou fios de auscultadores inutilizados em acessórios de moda, numa linha amiga do ambiente.

A Sony e a marca de estilista britânica Auria, conhecida por produzir roupa e acessórios de praia feitos a partir de nylon obtido de redes de pesca recolhidas dos mares. Juntas, as marcas criaram uma linha de acessórios que recicla fios de headphones inutilizados.

A coleção tem cinco peças de cinco cores diferentes: uma caixa dos óculos cor de rosa, uma mala para a praia vermelha, uma capa para o telemóvel azul, umas sandálias pretas e uma capa para o passaporte amarela. No total, 113 metros de fio são utilizados na criação de cada conjunto.


Mala de praia da Auria combinada com os auscultadores sem fios da Sony

Como revela a foto acima, os fios velhos foram utilizados para fabricar as alças e as partes laterais da mala. Desta forma a Sony assinala o lançamento dos seus novos auscultadores h.ear que não precisam de fios para funcionarem. A conexão entre estes e o dispositivo eletrónico é feita através de bluetooth.

A marca Auria orgulha-se em conseguir combinar os gostos dos clientes com um processo de produção sustentável. A fundadora e designer Diana Auria trabalha com a empresa Italiana Econyl para criar as suas peças. O material utilizado é nylon reciclado, feito a partir de redes de pesca antigas e outros restos marinhos, dos quais se extrai poliamida pura (proteínas) para criar o tecido novo.


As sandálias pretas reciclam os fios ao entrelaçá-los para criar a parte superior dos chinelos

Numa entrevista com o Guardian, Auria comenta que "fazer a diferença para o meio ambiente é muito importante para mim, mas também sei que as pessoas não compram roupa para a praia se não se sentem confortáveis quando a vestem."

A indústria têxtil tem um grande impacto no ambiente, principalmente devido ao uso de energia e produtos químicos tóxicos. Um relatório de 2011 do Wrap (Waste and Resources Action Programme – Programa de Acção sobre os Resíduos e Recursos) descobriu que 5% das pegadas de carbono do Reino Unido carbono resultam da produção de vestuário.

Com estes valores em mente, Auria juntou-se ao número crescente de empresários da indústria da moda que recicla materiais desperdiçados para criar novos produtos.

Comentários

comentários

Etiquetas

BN TV

O Boas Notícias está de volta!

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório