Cultura

Filmes portugueses fazem sucesso na Coreia do Sul

NULL
Versão para impressão
A edição deste ano do Festival Internacional de Cinema de Jeonju, na Coreia do Sul, dedicou parte da sua programação à filmografia portuguesa. De acordo com a organização, as salas encheram para ver as obras de realizadores como João Botelho e Rui Simões.

“As salas estiveram sempre cheias e os debates correram muito bem. Foi muito gratificante”, disse à agência Lusa o encarregado de Negócios da Embaixada de Portugal em Seul, Paulo Lopes Graça, estimando que mais de 5 mil pessoas tenham assistido a «obras emblemáticas da nossa cinematografia”.

O certame, que terminou no passado dia 06 de maio, exibiu ainda filmes de António Reis e Margarida Cordeiro, Paulo Rocha, Fernando Lopes, João César Monteiro, António Cunha Telles, João Tabarra e Manoel de Oliveira.

Num ano em que se celebra o 50º aniversário desde o estabelecimento das relações diplomáticas entre a Coreia do Sul e Portugal, aquele país asiático acolhe, a partir de quinta-feira, uma exposição de videoarte portuguesa, com quinze filmes de nove realizadores e instalações vídeo de quatro autores.

Até ao dia 31 de maio, estará patente na Universidade Coreana de Belas Artes, em Seul, a exposição “A Idade das Micro Viagens”, que reúne vídeos de Pedro Costa, Miguel Palma, Maria Lusitano e de João Tabarra.

A organização destes eventos é da responsabilidade da Embaixada de Portugal na Coreia do Sul, que conta com o apoio do Instituto Camões e da Cinemateca Portuguesa.

Comentários

comentários

Pub

Aid Global

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub