Cultura

Filme português ganha prémio da crítica no Chile

A longa-metragem "A Última Vez Que Vi Macau", da autoria dos portugueses João Pedro Rodrigues e João Rui Guerra da Mata, conquistou o Prémio da Crítica na 19ª edição do Festival Internacional de Valdivia, que decorreu no Chile.
Versão para impressão
A longa-metragem “A Última Vez Que Vi Macau”, da autoria dos portugueses João Pedro Rodrigues e João Rui Guerra da Mata, conquistou o Prémio da Crítica na 19ª edição do Festival  Internacional de Valdivia, que decorreu no Chile entre 2 e 7 de Outubro.
 
A obra, que obteve também uma Menção Honrosa do júri da competição internacional do Festival de Locarno, na Suíça, em Setembro, tem um cariz biográfico, tendo nascido a partir das memórias de infância de João Rui Guerra da Mata, que em criança viveu em Macau. 
 
“A Última Vez Que Vi Macau” é uma produção da portuguesa Blackmaria e da francesa Epicentre Films, em coprodução com o estúdio, também francês, Le Fresnoy – Studio National des Arts Contemporains. 
 
De acordo com a produtora nacional, a obra cruza o “film noir” com a ficção científica, “entre memórias pessoais e visões do apocalipse”, tendo sido rodado em Macau, na China, e em Portugal.
 
De salientar que o filme, que vai competir na secção internacional do DocLisboa que abre na próxima semana na capital portuguesa, foi ainda selecionado para os festivais internacionais do Rio de Janeiro, no Brasil, de Toronto e Vancouver, ambos no Canadá, assim como os de Nova Iorque, nos EUA, e de Busan, na Coreia do Sul.
 

Comentários

comentários

BN TV

O Boas Notícias está de volta!

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório