Literatura

Feira do Livro regressa a Lisboa

NULL
Versão para impressão
A partir desta quinta-feira e até ao próximo dia 15 de maio, o Parque Eduardo VII, em Lisboa, volta a acolher a maior feira do livro da capital portuguesa. Na sua 81ª edição, o evento apresenta horários alargados, mantendo-se os habituais debates, apresentações, lançamentos e sessões de autógrafos.

450 editoras e chancelas já estão a postos para a inauguração da feira, que é assinalada às 17h00 de hoje, com a presença da ministra da Cultura, Gabriela Canavilhas, do presidente da Câmara de Lisboa, António Costa, e do Presidente da Associação Portuguesa de Editores e Livreiros (APEL), Paulo Teixeira Pinto.

Em declarações à Rádio Renascença, este último responsável considera que "o setor resistiu muitíssimo bem à degradação económica do país" em 2010, embora já se note "algum declínio".

A Feira do Livro de Lisboa reveste-se, por isso, de maior importância este ano. Como tal, a organização decidiu alargar os horários: de segunda a quinta-feira e também aos domingos, o certame encerra às 23h00, enquanto que às sextas e sábados o fecho é às 24h00.

Além disso, mantém-se a "happy hour", entre as 22h00 e as 23h00, de segunda a quinta-feira, durante a qual os visitantes poderão comprar livros fora dos 18 meses do preço fixo com 50% de desconto.

Além de obras e autores, a música é também um dos atrativos. Estão agendadas atuações de músicos do Conservatório e da Orquestra Geração, bem como da escola de jazz Luís Villas-Boas/Hot Club de Portugal, no espaço LeYa.

Saiba mais clicando aqui.

Comentários

comentários

Pub

Aid Global

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub