Negócios e Empreendorismo

Exportações para Moçambique crescem 56%

NULL
Versão para impressão
As exportações portuguesas com destino a Moçambique registaram um crescimento de 56% nos primeiros seis meses do ano. O país africano sobe assim dez patamares na lista dos principais mercados para produtos portugueses, em comparação com 2010.

Os dados foram revelados pela Agência para o Investimento e Comércio Externo de Portugal (AICEP), com base na participação de Portugal na 47.ª edição da Feira Internacional de Maputo (FACIM). A feira decorreu entre 29 de agosto e 4 de setembro e juntou 14 países.

Portugal teve uma participação muito positiva no evento, com uma presença de 64 empresas e associações empresariais, das mais variadas áreas – materiais de construção, produtos agroalimentares e vinhos, consultoria, rochas ornamentais, tecnologias de informação, portos, transportes e logística, artigos para o lar, higiene e limpeza, confeção e vestuário, máquinas agrícolas e produtos pecuários, entre outros.

Desta forma, Portugal foi, depois de Moçambique, o país mais representado na FACIM.

O mercado moçambicano situava-se no ano passado no 25º lugar entre os preferenciais de produtos lusos. Este ano a realidade alterou-se em muito graças àquela que é considerada a maior exposição empresarial e comercial do país.

A AICEP disse em comunicado que os empresários portugueses souberam aproveitar as “oportunidades de negócio que, certamente, terão sequência quer no incremento das trocas comerciais dos dois países, quer em investimentos diretos a realizar em Moçambique”.

Comentários

comentários

BN TV

O Boas Notícias está de volta!

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório