Desporto

Ex-obeso, fumador e alcoólico completa 700 maratonas

NULL
Versão para impressão

Durante décadas foi fumador e alcoólico. Mas há 17 anos decidiu abandonar os vícios e começar a correr. Este mês, o britânico Rory Coleman, de 49 anos, conseguiu mais um recorde do Guinness Book ao completar a sua 700ª maratona. O próximo desafio que estabeleceu para si próprio, diz o atleta ao Boas Notícias, é completar 1000 maratonas.

Nos anos 90, Rory Coleman vivia uma vida intensa, com uma empresa de sucesso mas que exigia demasiado de si. Apesar do apoio da sua mulher e dos filhos, Rory vivia uma vida de excessos: comia demais, fumava cerca de um maço e meio de cigarros por dia e abusava do álcool.

Um dia percebeu que a sua condição física estava tão deteriorada que não era capaz de correr nem 100 metros. Decidiu então dizer não ao álcool e ao tabaco. E começar a correr. “Se não tivesse feito isso, hoje em dia não estaria aqui”, garante o atleta ao Boas Notícias.Image and video hosting by TinyPic

Nesse dia, Coleman decidiu ir superando as suas metas iniciais. Desde então, já correu 13 vezes a Maratona de Londres, 3 vezes a Maratona de Nova Iorque e 14 vezes a Maratona Robin Hood, em Nottingham. Também completou oito vezes a Marathon des Sables, uma ultra maratona de 251 km realizada ao longo de seis dias no deserto do Saara e conhecida como a mais dura prova de corrida do mundo.

Mais de 2000km entre Londres e Lisboa

No total, o atleta já percorreu mais de 33,8 mil quilómetros em eventos de corrida desde 1994, e estabeleceu nove recordes do Guinness. Sábado passado completou os 42 quilómetros da corrida Druid Challenge, no condado inglês de Oxfordshire, completando a sua 700ª maratona. E prepara-se, segundo confessou ao Boas Noticias, para conquistar novo recorde ao realizar 1000 maratonas.

Nas suas andanças, Rory chegou mesmo a passar por Portugal, pela altura do Euro 2004, tendo percorrido mais de 2000 quilómetros entre Londres e Lisboa. “Portugal foi uma experiência espantosa. As pessoas foram muito amistosas e acolhedoras. Portugal foi a parte do percurso que mais gostei”, revela o atleta.

A quem quer mudar para um estilo de vida mais saudável, abandonando hábitos nocivos como o excesso de álcool ou o tabaco, Coleman deixa um conselho: “Decida os objetivos que quer mesmo alcançar, escreva-os num papel e coloque o recado num sítio onde veja as suas metas diariamente como, por exemplo, no frigorífico”.

Coleman abandonou a empresa que liderava, nos anos 90, na área da impressão gráfica. Agora dedica-se profissionalmente às corridas, através da sua empresa www.ultrarace.co.uk, e oferece serviços de ‘personal trainer’ e ‘coaching’ a pessoas que, como ele, queiram deixar velhos hábitos e abraçar uma vida mais saudável.

Comentários

comentários

Pub

Aid Global

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub