Mundo

Evolução da Via Láctea nos céus ibéricos

NULL
Versão para impressão
O fotógrafo norueguês Terje Sorgjerd captou as imagens da evolução da Via Láctea no céu em diversas fases do dia, a partir do topo da montanha mais alta em Espanha, El Teide, nas ilhas Canárias.

Para a realização do trabalho o fotógrafo captou imagens ao longo de 170 horas registando a evolução da paisagem local a uma altitude de 3.718 metros.  

Ao longo de uma semana Terje Sorgjerd permaneceu na montanha e dormiu menos de dez horas. Enfrentou algumas adversidades como uma tempestade de areia vinda do deserto do Sahara, facto que não impediu que o fotógrafo captasse com sua câmara a luz das estrelas por trás das nuvens de poeira.

Terje disse à BBC Brasil: “O local é uma de minhas ilhas favoritas, com uma variedade fantástica de natureza e paisagens. Sabia que se conseguisse reunir estas imagens seria uma fonte de inspiração mpara todos.”

Em menos de um mês, o vídeo A Montanha já foi visto por mais de 8 milhões de pessoas nos sites Vimeo e YouTube. A Aurora foi outro dos trabalhos realizados por Sorgjerd para o qual captou imagens da aurora boreal no norte da Rússia, a temperaturas negativas que chegaram a -25 graus Celsius.

Clique aqui para aceder ao trabalho do fotógrafo.

Comentários

comentários

BN TV

O Boas Notícias está de volta!

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório