Inovação e Tecnologia

EUA: Jovens criam luvas que traduzem língua gestual

Dois alunos da Universidade de Washington, nos EUA, criaram umas luvas inovadoras que poderão derrubar barreiras importantes na área da comunicação com as pessoas surdas.
Versão para impressão
Dois alunos da Universidade de Washington, nos EUA, criaram umas luvas inovadoras que poderão derrubar barreiras importantes na área da comunicação com as pessoas surdas. 
 
As SignAloud são um par de luvas que interpretam os sinais da língua gestual norte-americana, traduzindo o movimento das mãos para voz ou texto, num formato que a população em geral pode compreender.

Os dois alunos, Navid Azodi e Thomas Pryor, já foram distinguidos pelo prestigiado instituto MIT com o prémio Lemelson, no valor de 10 mil euros, destinado a destacar trabalhos de estudantes.
 

As luvas funcionam graças a uma combinação de sensores que interpretam o movimento e a posição das mãos enviando, através de 'bluetooth', essa informação para o computador, onde um programa faz corresponder esses gestos aos sinais de língua gestual traduzindo-os por palavras e frases com o alfabeto comum. 

"As nossas luvas são leves, compactas e ergonómicas, podendo ser usadas no dia-a-dia como qualquer outro acessório", diz Thomas Pryor, um dos inventores, em comunicado de imprensa.

Comentários

comentários

BN TV

O Boas Notícias está de volta!

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório