Ciência

Escrita manual facilita aprendizagem

Embora seja um hábito cada vez mais raro por culpa da proliferação dos computadores, escrever à mão estimula o cérebro e facilita a aprendizagem de conceitos, fórmulas e símbolos, assegura um estudo desenvolvido por investigadores norte-americanos.
Versão para impressão
Embora seja um hábito cada vez mais raro por culpa da proliferação dos computadores, escrever à mão estimula o cérebro e facilita a aprendizagem de conceitos, fórmulas e símbolos, assegura um estudo desenvolvido por investigadores norte-americanos.

Os especialistas portugueses, como o neuropsicológo João Anacleto, do Instituto do Cérebro, também concordam: “Através da escrita manuscrita existe tendência a uma maior concentração, e consequentemente facilidade de interiorização da informação. Inclusive para a realização dos testes, que são manuscritos”, declara ao Diário de Notícias (DN).

A escrita manual contribui para a agilidade intelectual e também para dar largas à imaginação, conforme defende o presidente do Instituto da Inteligência Nelson Lima, dando o exemplo de escritores que “preferem criar as suas obras usando primeiro a escrita à mão, talvez porque lhes dá uma maior liberdade criativa e expressiva”.

“O uso excessivo dos teclados poderá levar a uma perda das habilidades manuais para a escrita e, como consequência, de certas habilidades do pensamento”, acrescenta ainda o especialista.

Comentários

comentários

BN TV

O Boas Notícias está de volta!

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório