Ciência

ESA capta Lagoa das Sete Cidades do Espaço

A Agência Espacial Europeia (ESA, sigla em Inglês) divulgou, esta semana, imagens da Lagoa das Sete Cidades, nos Açores, captadas a partir do Espaço.
Versão para impressão
A Agência Espacial Europeia (ESA, sigla em Inglês) divulgou, esta semana, uma imagem da Lagoa das Sete Cidades, nos Açores, captada a partir do Espaço. A fotografia, que oferece uma perspetiva totalmente diferente do local, foi captada em Dezembro de 2014 pelo satélite espanhol Deimos-2.

Na imagem, que apresenta o complexo vulcânico com o nome Maciço das Sete Cidades, é possível ver a ponta oeste da ilha, com a caldeira de cinco quilómetros a dominar o plano da fotografia, onde também é possível ver “lagos, cones vulcânicos, domos de lava e pequenas crateras cheias de água”, descreve a ESA no seu site.

Na área em redor, é possível ver as linhas de crescimento da vegetação, ao longo de percursos de água que partem do maciço circular. É entre essas linhas que se situam os terrenos de cultivo.

Esta região é constítuida por duas lagoas ligadas por uma passagem “estreita”, e que também é vísivel no centro da imagem, que mostra a norte a Lagoa Azul e a sul a Lagoa Verde.

Num vídeo divulgado pela ESA, a agência europeia conta a lenda por detrás destas lagoas, e que fala de uma princesa que se teria encontrado aqui, pela última vez, com o seu amado, chorando até as suas lágrimas formarem as duas lagoas: uma verde, devido à cor dos olhos da princesa, e uma azul, a cor dos olhos do pastor.

A imagem foi captada pelo satélite espanhol Deimos-2, a 6 de Dezembro de 2014, equipamento que fará parte do programa europeu Copernicus a partir do dia 1 de Abril de 2014, pode ler-se no site da ESA.

Comentários

comentários

BN TV

O Boas Notícias está de volta!

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório