Saúde

Equipa da MAC realiza cirurgia fetal inédita em Portugal

Uma equipa da Maternidade Alfredo da Costa (MAC) realizou, esta quarta-feira, a primeira cirurgia fetal em Portugal. A mesma consistiu na laqueação dos vasos que estavam a comprometer a vida de um feto com 25 semanas de gestação, que estava ainda no
Versão para impressão
Uma equipa da Maternidade Alfredo da Costa (MAC) realizou, esta quarta-feira, a primeira cirurgia fetal em Portugal. A mesma consistiu na laqueação dos vasos que estavam a comprometer a vida de um feto com 25 semanas de gestação, que estava ainda no útero de uma mulher. 
 
A intervenção esteve a cargo do obstetra Álvaro Cohen e foi necessária porque um dos gémeos se desenvolveu sem coração. Como tal, o feto saudável estava, sozinho, a bombear sangue para os dois, correndo o risco de entrar em insuficiência cardíaca e de morrer ou nascer com 25 semanas de gestação.
 
Através de uma agulha com um fibrolazer, a equipa da MAC conseguiu laquear os vasos sanguíneos que estavam a levar o sangue para o feto sem órgãos. Desta forma, o feto sem coração ficou sem vascularização e vai ser agora reabsorvido pelo organismo.
 
Segundo o especialista, esta foi “uma cirurgia com riscos”, mas apresentava-se como a única alternativa para salvar o feto saudável. A manter-se a situação, o coração do mesmo não iria aguentar. 
 
A mãe, que foi para casa umas horas após a intervenção, encontra-se bem, tendo apenas sabido da situação dos fetos às 23 semanas de gestação. 
A intervenção foi realizada no Hospital da Força Aérea, uma vez que este é o único que possui o equipamento necessário para a mesma (o fibrolazer).

Notícia sugerida por Maria Pandina

Comentários

comentários

Pub

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub